O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Renunciei ao cargo , por escrito diante da assembleia , poderei ser penalizado por isso ?

Por Marcos Iriante
Perguntou há mais de 1 ano

Na assembleia nao tive permissão de exigir do síndico anterior , a entrega de todos os documentos do edifico , não tinha conhecimentos nem dos contratos com os prestadores de serviço e empresas de manutenção , nem tinha cesso nem a documentação basica do concominio e tenho erteza que sindico anterior não guardou os documentos por 5 anos e nem os de previdencia por 35 anos ... Na assembleia o sindico anterior admitiui que o AVCB venceu em 2009 e ele não renovou , administradora disse que o avisou , mas nao levou o assunto a assembleia e ignou o assunto .... Renunciei ao cargo , porque não queria colocar meu patrimonio em risco , para renovar o AVCB que deve estar cancelado , sei que preciso fazer todo um projeto eletrico , os custos será altissimo algo em torno de 200 mil reais , fora todos os itens de segurança exigidos pelo corpo de bombeiros ... Pergunta Posse ser penalizado ou responder processo por ter renunciado ao cargo por escrito ...

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (4)

Ordenar:

Antonio Carlos Meyer
Antonio Carlos Meyer

Respondeu há mais de 1 ano

A renúncia, na minha opinião, deve ser por escrito ou em assembléia, quando constará da ata, ou seja, ficará escrito.
Todos os atos praticados durante sua gestão são de sua responsabilidade. Vc só poderá ser penalizado por esses atos. Atos anteriores e posteriores serão de responsabilidade dos síndicos à época.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Oi Marcos

Ninguém pe obrigado a permanecer no cargo mas você deveria ter renunciado em assembleia especificamente convocada para a sua renúncia e eleição do seu substituto. Abandonar o prédio sem ter quem o substitua pode sim acabar em prejuizo pelo qual você será responsabilizado.

E não sei o tamanho do seu prédio mas o meu tem 75 apes em três pavimentos e para a regularização do AVCB que começamos do zero nós gastamos, ano passado, R$25.000,00. Isso incluiu tudo, inclusive a colocação dos hidrantes.

Boa sorte

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Marcos,
Afnal de contas, qual o seu cargo ou função dentro do condomini?Novo sindico?
Qual o tamanho do seu condominio? R$ 200.000,00 [é muita grana para se fazer projeto elétrico, você deve estar querendo dizer: uma revisãoelétrica por todo o prédio. Não custa tudo isso não. O AVCB terá que ser enovado obrigatoriamente, pois poderão ser penalizados com multa e não poderão receber sinistro, a seguradora não paga.

Alguém tem que tomar as rédieas dsse condominio se não você vai perder seu imóvel de outr forma.

Você nao corre o risco de ser penalizado, por ter solicitado sua renuncia, mas não deveria ter abandonado o condominio, poi ele não pode ficar acéfalo. Quam vai fazer os pagamentos? quem vai tomar conta??????

Se a administradora não tem provas de que deu o suporte necessário ao sindico, ele pode ser processada.

Reuna-se com outros condôminos e pensem em uma melhor forma de retomar o condominio e resolver todos os problemas. É só prioriozar o que precisa fazer primeiro e ir tocando o barco.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.