O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Fabricio Paiva

as assembleias podem prevalecer sobre a constituição no direito de ir e vir com seus bens?

Por Fabricio Paiva
Perguntou há mais de 1 ano

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (3)

Ordenar:

Angelina Somolanji R. Oliveira
Angelina Somolanji R. Oliveira

Respondeu há mais de 1 ano

Também não entendi, seja mais claro.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Werner Guelber Barreto
Werner Guelber Barreto

Respondeu há mais de 1 ano

Como o espaco para perguntas e restrito, utilize o campo que fica logo abaixo para descrever toda sua questao ou problema enfrentado. Teremos prazer em responder.

wgb@wgb.adv.br

Fonte: Werner wgb@wgb.adv.br

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Fabricio,
Você nao foi muito claro, mas imagino que você esteja querendo dizer se pode ir e vir , em qualquer horário, com seus bens (geladeira, fogão, mudança, etc....)

Isso é regulamentado pelo regulamento. É claro que não pode, de madrugada, você ir para a praia e transportar uma geladeira, por exemplo. Vai perturbar o sossego das pessoas e pode ser advertido.
Mas, vou esperar uma melhor explicação do que você quer saber exatamente.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.