O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

ISMAR JOSE KOHLER

um condomínio de 14 casa germinadas trocar e unificar o piso de acesso as garagens

Por ISMAR JOSE KOHLER
Perguntou há mais de 1 ano

sou sindico de um condomino residencial de 24 casa germinadas e decidimos trocar o piso de acesso a garagem, atualmente temos blocos e estes todos fora de um mesmo padrão, queremos padronizar e unificar, colocando pedras tipo Miracema. A maioria já concordou, porem minha pergunta é : isto é alteração de fachada ? se sim qual l o quórum necessário 2/3 ou a unanimidade dos condôminos ?

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (3)

Ordenar:

Elias Hastenraiter
Elias Hastenraiter

Respondeu há mais de 1 ano

Entendo que piso de garagem é area comum e não fachada, logo:,
Art. 1.342. A realização de obras, em partes comuns, em acréscimo às já existentes, a fim de lhes facilitar ou aumentar a utilização, depende da aprovação de dois terços dos votos dos condôminos, não sendo permitidas construções, nas partes comuns, suscetíveis de prejudicar a utilização, por qualquer dos condôminos, das partes próprias, ou comuns.

Assinatura: Elias Hastenraiter - Não basta só interpretar o mundo, é preciso também transforma-lo.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Geraldo Majella da Silva
Geraldo Majella da Silva

Respondeu há mais de 1 ano

Ismar José - Vamos partir do princípio. Todo terreno tem que ter a sua parte permeável em m² regidos por Leis Municipais. A construtora colocou estes broquetes de cimento foi para haver penetração da água da chuva no solo que pode ter sido uma exigência da Prefeitura local para a liberação da construção do condomínio. O Condomínio não deve ter em suas casas terras descobertas, ou seja, sem impermeabilizações e toda extensão do condomínio são áreas cimentadas. Devem ter usado este broquetes de cimento porque eles permitem a penetração da água da chuva no solo, objetivando os lençóis freáticos. Portanto, aconselho você antes de qualquer providência consultar a Prefeitura local e expor a eles as suas intenções e receber o aval de quem coordena e autoriza as plantas neste caso. Com o aval, convoque uma assembleia e nesta assembleia 2/3 dos condôminos do seu condomínio tem que concordar e autorizar as modificações que vocês pretendem fazer. Após a autorização desta assembleia, contrate um Engenheiro para fazer uma nova Planta contendo estas modificações com relação a impermeabilização do solo. Retorne a Prefeitura e procure a mesma pessoa que lhe deu o aval e lhe apresenta a planta da modificação. A Prefeitura tem que autorizar para vocês iniciar esta obra. 0k

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Willians Moreira Branco
Willians Moreira Branco

Respondeu há mais de 1 ano

Irmar, Boa tarde !

Só acrescentando as palavras do nosso colega Geraldo, hoje a visão é condomínio sustentável, sugiro que vocês podem fazer a capitação desta água e utilizar como reuso, a mesma água vocês podem estar reutilizando para lavagem da garagem.

Willians Branco, é Sindico Profissional e fundador da (WL Soluções em Condomínios)

willians.branco@outllok.com

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.