O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Adelmar Martins

e viável a contratação de garantidoras das taxas condominiais?

Por Adelmar Martins
Perguntou há mais de 1 ano

Bom dia, pretendo colocar em votação uma garantidora para garantir as taxas condominiais, portanto vejo muitas reclamação dos serviços destas instituições, isto e viável?
se algum síndico já tem no seu condomínio e queira compartilhar estas informações ficarei grato!!!

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (5)

Ordenar:

Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Adelmar,

Eu não tenho esse tipo de serviço, mas não acho uma boa. Imagino que deve-se pagar uma taxa para que ele lhe dê o valor total das taxas condominiais . Imagine se tiver 10% de inadimplência. Como você vai resolver essa parada?
O melhor é a velha negociação, acordos e cobranças judiciais.

Assinatura: Telma Carvalho
Síndica profissional

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Márcio Spimpolo
Márcio Spimpolo

Respondeu há mais de 1 ano

Olá Adelmar! Somos da mesma cidade.

Posso te afirmar que esse procedimento não é o mais recomendável pro condomínio.
Veja, eles vão te cobrar um percentual pra te adiantar o valor da inadimplência (10, 15 ou 20%) e eles vão tentar receber do condômino a qualquer custo. Essa cobrança pode acarretar em riscos para o condomínio, inclusive dano moral. Pessoalmente vejo muitas irregularidades nesse tipo de negócio.
Pense, por que correr tanto risco e ainda ficar sem uma fatia boa da sua arrecadação?
Se o seu problema é a falta de uma cobrança adequada, a DIRECTA (empresa de Ribeirão Preto que anuncia aqui no SindicoNet) faz um excelente trabalho de recuperação de inadimplentes sem cobrar nada do condomínio.
Fico à disposição para enviar um representante até você (ligue no fone abaixo).

Abraço!

Assinatura: Márcio Spimpolo
Directa - Assessoria Jurídica, Cobranças & Negociações
Ribeirão Preto - SP

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Adelmar eu também não uso isso. Pelos mesmos motivos da Telma e do Márcio; são muitos SES envolvidos e parte da nossa arrecadação vai para o beleléu. Prefiro acordos sempre que possível e cobranças judiciais quando necessário; com a vantagem que no nosso estado nós podemos apelar também para o protesto.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Aderson José de Oliveira
Aderson José de Oliveira

Respondeu há mais de 1 ano

Ademar, o nome da pratica dessas empresas, AGIOTAS profissionais, travestidos de garantidora, corra deles!!!

Assinatura: Aderson José
Sorocaba-sp

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Clara Maria Pontes da Silva
Clara Maria Pontes da Silva

Respondeu há mais de 1 ano

Boa tarde, fizemos a contratação de uma garantidora em nosso condomínio. Veja bem: Tínhamos uma inadimplência muito alta. Vários acordos firmados e poucos sendo cumprindo.
Temos há 6 meses este serviço e podemos dizer que, 100% da receita todo mês, uma pequena porcentagem paga por cada morador todo mês. Fazendo com que o caixa esteja sempre saudável. Se for ver, como Síndica e moradora, não temos mais problemas com inadimplência futura, não precisamos gastar com custas judiciais durante este período e principalmente não pagamos mais pelos que não pagam e nossa taxa é sempre a mesma, sem precisar aumentar para cobrir o outro.
Nosso condomínio está satisfeito com a contratação . Contrato simples e sem nenhuma surpresa.

Fonte: Caso queiram, posso passar o contato da empresa para maiores esclarecimentos.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.