O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×

Pergunta

Rebeca Friesen

Como tratar questões de animais sem o dono em áreas comuns do prédio?

Por Rebeca Friesen
5 dias

Os animais circulam livremente nas áreas comuns, fazem necessidades nas escadas, tapetes de porta, dormem em cima dos carros, trazem animais roedores em sua boca. Como resolver? Os donos já foram multados, o assunto já foi tratado em assembléia e o problema persiste.

Responder esta pergunta

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (5)

Vera Lucia Santa maria
Vera Lucia Santa maria respondeu
5 dias

Se o assunto já foi tratato em assembléia, você pode ir multando a cada reincidência.
O condomínio não pode proibir que se tenha animais de estimação, mas pode criar regras para circulação dos mesmos, por exemplo: somente no elevador de serviço, a obrigatoriedade de limpar as fezes dos animais, independente da raça se o cão for bravo deve circular na coleira e focinheira, obrigatoriedade de vacinas, etc.
Em ambiente fechado como elevador a prioridade de uso será sempre do ser humano, ou seja os animais não podem interferir no sossego, saúde ou segurança dos moradores.


Paulo Rodrigues de Moura
Paulo Rodrigues de Moura respondeu
5 dias

Boa tarde! Continuar multando os donos.

Fonte: 12

paulorodriguesmoura@hotmail.com
(11) 98440-4093

LUCIANO DE OLIVEIRA
LUCIANO DE OLIVEIRA respondeu
5 dias

“Não devemos denunciar as ações que as Escrituras não condenam, mas se limitam a apresentar.”
Ireneu de Lion (Adversus Haereses)



Sra. Rebaca,

Boa tarde,

Há uma contradição em sua pergunta: como os donos podem ter sido multados se você disse que os animais são sem dono? Você deve decidir, primeiro, se os animais tem ou não tem donos. Se eles tem donos, estes devem ser multados e podem até mesmo serem condenados como condôminos com conditas antissociais, de acordo com o Código Civil e com as decisões do Tribunal de Justica do Estado do Rio Grande do Sul e Superior Tribunal de Justiça quando julgaram (e julgam) situações exatamente iguais à sua

Este é o procedimento que tenho adotado com sucesso em situações como esta.

À disposição para maiores esclarecimentos (SOMENTE PELO WHASTAPP)

LUCIANO DE OLIVEIRA (São Paulo e PORTO ALEGRE)
ADVOGADO, palestrante, Especialista em Direito Imobiliário e de Condominial
Coach em administração de condomínios
WHASTAPP (11) 99398-4151- SOMENTE EM DIAS ÚTEIS E DAS 9H AS 19H
SIGA NO INSTAGRAM @luc008

MAIORES ESCLARECIMENTOS SOMENTE PELO WHASTAPP

Target Administradora
Target Administradora respondeu
5 dias

Olá Rebeca


Continue multando em cada reincidência.


Boa sorte


TARGET | Administradora de Condomínios LTDA
Site: www.targetadm.com.br
Telefone: (11) 2896-1582
Atendimento Grande ABC e São Paulo Capital

TARGET Administradora de Condomínios - - Site: www.targetadm.com.br -- Email: contato@targetadm.com.br

Gilmar Marçal da Rosa
Gilmar Marçal da Rosa respondeu
5 dias

OI REBECA!
OS ANIMAIS SÃO SEM DONOS OU OS DONOS NÃO SÃO PRESENTES?
UM ABRAÇO!

MARÇAL - Síndico Profissional - (Porto Alegre - RS)
E-mail: marcal627@gmail.com - Tel.(51) 986366900
Bacharel em Administração de Empresa

Evelin
Evelin respondeu
4 dias

atenção gente interpretação de texto. O outro se diz advogado e não sabe interpretar uma pergunta."...animais SEM O DONO....."


Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

100.196 Compradores
313.844 Cotações
2.696 Fornecedores

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...