O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Daniel

Sindico ameaçando - como agir? Processo? Boletim de ocorrencia?

Por Daniel
Perguntou há mais de 1 ano

Sindico chama minha mulher de vagabunda, diz que nao deveriamos estar morando no predio, e que esta procurando alguma maneira de nos tirar dali.
Como proceder?
BO de calunia, inguri, difamação e ameaça?
Processo? Danos morais?
Quais os caminhos para processo?

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (7)

Ordenar:

Daniel
Daniel

Respondeu há mais de 1 ano

Como havia limite de 800 caracteres precisei resumir.
Seguem detalhes:
A convivencia era excelente com o sindico até minha namorada se mudar e trazer junto um cachorro de pequeno porque que nao late. O sindico foi contra, proibiu a entrada do cachorro e disse que se houvesse cachorro ele daria multa. Por saber que é proibido a proibição de animais, disse que o cachorro iria morar sim e que eu esperaria a multa com o maior prazer que resolveriamos com um juiz essa questao e nao batendo boca no corredor.
A partir disso degringolou tudo.
O sindico sempre que cruza com minha mulher no corredor à chama de vabagunda.
E no ultimo encontro disse que esta procurando uma maneira de nos tirar do condominio, que nossos dias estao contados.
Obviamente ja ameaçou de entrar com contato com a proprietaria (moramos de alugel), que por sinal nao conhecemos, mas temos excelente relação com a imobiliaria.
Enfim, ja encheu o saco esse cara ameaçando e xingando, pessimo nao poder sair de casa sem ter uma situação constragedora.
Como proceder?
BO é aplicavel? É util em um processo?
Como processar? JEC? Pequenas Causas?

Agradeço qualquer tipo de orientação.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Paulo Rodrigues de Moura
Paulo Rodrigues de Moura

Respondeu há mais de 1 ano

Boa noite! Tem provas?
Tendo precisa de uma consultoria jurídica.

Fonte: 12

Assinatura: paulorodrbiguesmoura@hotmail.com
(11) 98440-4093

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Daniel
Daniel

Respondeu há mais de 1 ano

Audio gravado de celular serve como prova?
Ainda não conseguimos gravar os xingamentos.
Porem conseguimos gravar ameaça dizendo que iria ligar para a proprietária (em tom de ameaça para nos expulsar do prédio) e com algumas calunias, como dizer que estávamos incomodando outros condôminos, sendo que jamais houve qualquer tipo de reclamação.

Testemunhas e Boletim de Ocorrência serve como prova?

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Daniel você não conseguiu formular sua pergunta sem usar um DESNECESSÁRIO segundo espaço, simplesmente porque não observou que o limite de 800 caracteres é para o título da pergunta e não para explanação do problema.

Me atendo à sua pergunta: a se comprovar o crime de injuria contra a honra da sua namorada então ela, e não você, pode sim abrir BO e representar esse BO. Isso significa que não basta BO, ela vai ter que constituir advogado para representação criminal. Haverá o custo do advogado, é claro. Entendo que gravações não periciadas não servirão de prova contra o réu.Testemunhas servem, claro.

Dizer que vocês estão incomodando passa longe de ser calúnia e entrar em contato com a proprietária é um direito dele. Porque qualquer multa que venha a ser imputada a você será de responsabilidade do proprietário da unidade.

Assinatura: Gestora de Imóveis - Graduada Universidade CESUMAR. Pós Graduada SENAC. Mediação e Arbitragem TASP.
contato: mari.marta_imoveis@hotmail.com

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Gilmar Marçal da Rosa
Gilmar Marçal da Rosa

Respondeu há mais de 1 ano

Oi Daniel!
Ao meu ver, tem que buscar uma assessoria jurídica e conversar com o locador.
Um abraço!

Assinatura: MARÇAL - Síndico Profissionalmente - (Porto Alegre - RS)
E-mail: marcal627@gmail.com - Tel.(51) 986366900
Bacharel em Administração de Empresa

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria
Maria

Respondeu há mais de 1 ano

Boa noite Daniel, situaçao desagradavel heim ?
entao... o sindico nao pode simplesmente te proibir de ter o caozinho , nao ha lei que lhe tire o direito a propriedade, no caso o caozinho. Ainda o animalzinho e tutelado pelo Estado e protegido Lei 9605 , vc nao poe se livrar do bichinho so pq o sindico nao o quer, O RI preve normas de convivio, que devem ser atendidas. Agora o sr sindico se dirigir a sua esposa como vagabunda, e muita baixaria por parte dele , claro que ele nao vai produzir provas contra ele mesmo a ofendendo na presença de outras possiiveis testemunhas . Comunique por escrito a administradora do imovel onde mora, e peça ajuda A as multas aplicadas a sua unidade durante a vigencia do seu contrato , sao suas, e o dono pode e vai cobrar de vc caso nao pague. O proprietario do apto tambem e proprietario junto ao condominio das pendencias. Atençao neste quesito . Passa a bola pra administradora pedindo a recisao do seu contrato sem multa ,devido as importunaçoes que o sindico esta lhe causando e que sua esposa esta sem liberdade para sair e lhe causando danos a saude. Caso queira comprar a briga, prepare-se para muito aborrecimento e gastos financeiros , pense no conforto de sua familia. Dificil , conseguir testemunhas, para representar contra ele na justiça , mas nao desista . Boa sorte

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha

Respondeu há mais de 1 ano

Se tiver testemunhas, você poderá registrar uma queixa de injuria contra esse sindico despreparado. Não há necessidade de advogado para representação criminal (eu já representei sem adv num caso de injuria). Além disso, você poderá mover uma ação de danos morais nos JECs, sem necessidade de adv. Isso tudo vai tirar esse sindico do prumo e ele nunca mais vai fazer isso com vocês. Faça, não diga para ninguém, e espere ele ser citado.

Assinatura: Luiz Leitão da Cunha | Atuação em São Paulo, nos bairros Jardins, Pinheiros, Bela Vista, Paraíso e Itaim-Bibi.
https://luizleitaosindicoprofissional.wordpress.com
Colunista da revista Direcional Condominios

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.