O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu

Pergunta

WhatsApp
LinkedIn
ATAIDE SOUZA MACEDO

Sou síndico em São Paulo, Capital, e mandei suspender a reforma de um apartamento.

Por ATAIDE SOUZA MACEDO
36 dias

Acontece que o proprietário do apartamento vem insistindo na retomada das obras. Tem previsão legal para a minha recusa? Ou posso flexibilizar determinando um número reduzido de colaboradores? Na verdade, tenho receio de flexibilizar e ser responsabilizado pelos demais condôminos...

Responder esta pergunta

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (8)

Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez respondeu
36 dias

Ataide em São Paulo, Capital, não existe nenhuma base legal que te dê autoridade nas unidades autônomas. Eu não teria paralisado obra minha só porque o síndico mandou.

Gestora de Imóveis - Graduada Universidade CESUMAR. Pós Graduada SENAC. Mediação e Arbitragem TASP.
mari.marta_imoveis@hotmail.com

Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha respondeu
36 dias

O sindico não tem respaldo legal para mandar suspender obras em unidades. Trata-se de um ato autoritário, excesso de representação do sindico.

Fonte: LLC

Luiz Leitão da Cunha | Atuação em São Paulo, nos bairros Jardins, Pinheiros, Bela Vista, Higienópolis, Paraíso e Itaim-Bibi.
https://luizleitaosindicoprofissional.wordpress.com
Colunista da revista Direcional Condominios

Gilmar Marçal da Rosa
Gilmar Marçal da Rosa respondeu
36 dias

Oi Ataíde!
Se o decreto municipal e estadual permite que as pessoas cheguem ao seu condomínio, você não tem mais nada a fazer, se não, permitir.
Um abraço!

MARÇAL - Síndico Profissionalmente - (Porto Alegre - RS)
E-mail: marcal627@gmail.com - Tel.(51) 991098649
Bacharel em Administração de Empresa

Paulo Rodrigues de Moura
Paulo Rodrigues de Moura respondeu
36 dias

Boa noite! Salto alto cuidado com o tombo ,na unidade autônoma quem decide é o dono.

Fonte: 12

paulorodrbiguesmoura@hotmail.com
(11) 98440-4093

NBF Engenharia
NBF Engenharia respondeu
36 dias

Prezado(a).
Vou passar a experiencia que estou tendo em obras aqui em SP e como estão os procedimentos para retomada e novas obras a serem executadas.
Tenho hj 2 tipos:
1) Obra no condomínio em áreas de uso coletivo, como garagem, piscina e salão de festas;
2) Apartamento de uma cliente com reparos em encanamentos e revestimentos.
Na condição 1), houve um CONSENSO dos condôminos para a retomada das obras, mesmo porque sua paralisação iria gerar mais transtornos e maior prejuízo com perdas de materiais perecíveis, como cimentos e tintas. Vale lembrar que todo e qualquer serviços em construção civil, se faz necessário os devidos EPI's para os diversos malefícios e de segurança que os mesmos exigem. A mascara e Álcool devem fazer parte agora desses EPI's, até julgarem desnecessários se assim o fizerem... O prazo e como serão feitos os trabalhos, deverão ser seguidos conforme recomendado os devidos afastamentos de pessoas e a FREQUENCIA de estranhos aos locais, que se assim o fizerem terão de ser identificados e da mesma forma "protegidos"...
2) Já para a reforma que estamos fazendo na unidade, o procedimento é o mesmo. cuidando-se porem que a quantidade de pessoas que trabalharão e entrarão no apto, seja limitado, a fim de manter o mínimo de contato possível.
Desde que adotamos esses procedimentos (pelo menos em nosso caso), não tivemos nenhum problema e as coisas vão muito bem a todos, graças a Deus.
O diálogo e bom senso, é o melhor remédio, tomem em doses recomendadas!!!
Boa sorte
Eng. Nestor

Fonte: Minhas obras

Nestor
Diretor
(11) 9-7172-5533

PBR - Perícias de Engenharia Civil

Se os decretos permitem, o síndico não pode proibir, não tem autoridade para interferir em unidade autônoma. Pode, entretanto, exigir que as obras tenha um engenheiro responsável, com a ART correspondente, que seja comunicado das obras que serão feitas. Os decretos permitem que os funcionários cheguem até o apartamento, logo o que se pode fazer é usar o bom senso, tais como evitar aglomerações, manter a distância recomendada pelos órgãos de saúde, não perturbar o sossego alheio e o trânsito dos condôminos etc.

PBR PERÍCIAS DE ENGENHARIA
Paulo Bregalda - Engenheiro Civil
paulo.bregalda@terra.com.br - Tel.: (21) 99611-0933

ROWER CONSTRUÇÕES ESPORTIVAS
ROWER CONSTRUÇÕES ESPORTIVAS respondeu
34 dias

Ataíde, o Síndico não tem esse poder. Se ele parou o serviço foi porque ele; ou não sabe dos direitos que tem ou simplesmente quis atendê-lo por política de boa vizinhança.

Ele pode retomar quando quiser, desde que respeite as normas de segurança, horários, prevenção a COVID etc....

Construímos, reformamos e fazemos manutenção em quadras esportivas.
Att,
Engº Roberto Wertheimer
(11) 3814-0050 / 99947-8769
41 anos
www.rower.com.br

Antonio Marcos
Antonio Marcos respondeu
32 dias

Prezado boa noite!
O Síndico não pode interferir dentro das unidades autônomaS, mas visando sempre a segurança e a saúde dos demais ocupante do condomínio; nesse momento de pandemia e quarentena fizemos a mesma coisa. Só está liberado apenas para trabalhos emergências.
Após o dia 15/06/20, vamos flexibilizar da seguinte maneira, horário das 10hs às 16hs, 3 pessoaS na reforma, uso de máscara e medimos a temperatura corporal dos prestadores.
Lembrando também que não é permitido ficaram circulando nas áreas comuns.
Peça uma opinião do conselho para juntos tomarem as melhores decisões.
Grato:Marcos.

Fonte: Reformas

Prezado boa noite!
O Síndico não pode interferir dentro das unidades autônomaS, mas visando sempre a segurança e a saúde dos demais ocupante do condomínio; nesse momento de pandemia e quarentena fizemos a mesma coisa. Só está liberado apenas para trabalhos emergências.
Após o dia 15/06/20, vamos flexibilizar da seguinte maneira, horário das 10hs às 16hs, 3 pessoaS na reforma, uso de máscara e medimos a temperatura corporal dos prestadores.
Lembrando também que não é permitido ficaram circ

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

111.294 Compradores
347.818 Cotações
2.769 Fornecedores

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...