O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Marisa

Posso receber multa sem provas?

Por Marisa
Perguntou há mais de 1 ano

Moro em um condominio há 1 mês e desde a primeira semana, o morador do andar debaixo reclama que fazemos barulho "andando" muito. Sou somente eu e minha filha.
Um dia ele interfonou, falando que não conseguia dormir no domingo às 15:00 porque estávamos fazendo muito barulho "andando" dentro de casa.
Hoje recebi uma advertência, informando que houve reclamações do excesso de barulho, andando com sapatos dentro de casa e arrastando móveis. e que se isso se repetir, virá a multa.
Porém, minha filha de 9 anos só anda descalça dentro de casa e eu também, nunca fico arrastando móveis, a não ser durante o dia, aos sábados, para limpar.
Pergunto:
Não há provas, pois sei que somos tranquilas, podem me multar somente porque o vizinho está incomodado?
...

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (8)

Ordenar:

Jeferson
Jeferson

Respondeu há mais de 1 ano

Olá.
Arrastar móveis dentro do seu apartamento mesmo que não seja proibido, mesmo que aos sábados, pode sim incomodar o seu vizinho.
Ele até não poderia reclamar do horário pois você não tem culpa que ele durma durante a tarde de domingo, mas se os barulhos são recorrentes, ele acaba tendo uma certa razão.
Andar com sapatos no apartamento, principalmente na madrugada pode incomodar e muito os vizinhos principalmente do andar abaixo do seu.
E nestas discussões de condomínio, o vizinho que faz barulho diz que não faz, ou que faz somente o normal e mínimo possível, e o vizinho que reclama geralmente também aumenta a história.

Se você já foi notificada, sugiro que tente reduzir os ruídos, porque arrastar móveis a todo o momento ninguém merece ficar ouvindo esse barulho a todo momento.
Eu particularmente coloquei feltro nos pés de todos os móveis e cadeiras do meu apartamento, pois não gostaria de incomodar o meu vizinho que mora no andar abaixo.
Alguns moradores vivem no tempo das cavernas, não sabem sequer erguer uma cadeira para sentar, arrastam tudo dentro do apartamento até geladeira.

Você já recebeu uma notificação, e provavelmente da próxima vez que tiver muito ruído, o síndico será chamado para verificar se a reclamação procede, e poderá aplicar a multa pois você já foi advertida.
Mantenha a política da boa vizinhança, ceda um pouco e o vizinho terá que ceder também.

Assinatura: Administrador de Empresas / RS - Síndico Profissional pela SíndicoNet

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa
Marisa

Respondeu há mais de 1 ano

Jeferson, agradeço sua resposta, mas sei que não procede pois eu não ando de sapatos dentro de casa, como citei, muito menos de madrugada. E não fico arrastando móveis a todo momento. Como citei também, se arrasto, é o sofá, e somente 1 vez no sábado.
Eu sim, faço o mínimo de barulho possível, e a minha dúvida é se ele pode aplicar multa SEM PROVAS. Se estou errada, corrijo o erro.
Este mesmo vizinho faz churrasco em sua sacada à noite, faz muito barulho, grita às 23 horas da sacada quando tem jogo.... e nunca reclamei de nada!

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Não Xará, você não pode ser multada sem provas. Simples assim.

Assinatura: Gestora de Imóveis - Graduada Universidade CESUMAR. Pós Graduada SENAC. Mediação e Arbitragem TASP.
contato: mari.marta_imoveis@hotmail.com

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
jorge hugo alves de azevedo
jorge hugo alves de azevedo

Respondeu há mais de 1 ano

Fique tranquila.Se não houver materialidade da infração você não pode ser punida.Quem alega,prova.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa
Marisa

Respondeu há mais de 1 ano

Mas no caso de me enviarem multa, mesmo sem provas, como devo proceder? Se não pagar, sou negativada....

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Geraldo Majella da Silva
Geraldo Majella da Silva

Respondeu há mais de 1 ano

Marisa - Marisa - Para toda multa tem que haver provas e ninguém pode ser condenado sem o direito de defesa. Portanto se receber o boleto da multa, recorra, enviando ou entregando uma carta de defesa ao Síndico e peça a este que dê o recibo na cópia. Você também poderá entregar esta carta aos membros do conselho consultivo do seu condomínio, se houver, e este julgarão se você tem razão ou não e dê preferência, também através de carta. Se ainda achar que a multa esta injusta, poderá recorre a uma assembleia, mas escreva carta ao condomínio e entrega também ao Síndico, para que este suspenda a multa até a próxima assembleia para que você justifique a sua defesa perante os presentes. Se negarem, pague a multa. 0k

Fonte: Pessoal

Assinatura: Geraldo Majella da Silva

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Priscilla
Priscilla

Respondeu há mais de 1 ano

Não tem essa de "Se negarem, pague a multa. 0k" Que conversa é essa!! Não tem provas, a AGE indeferiu insistindo no mesmo erro, então vá a Justiça e somente por decisão judicial pague. É isso, não se conforme com os erros e medidas arbitrarias de síndicos despreparados. Alias, tá uma vergonhoso e banalizados, como está cheios de sindico morador e daqueles que si dizem profissional, curiosos, incompetentes e totalmente despreparados.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha

Respondeu há mais de 1 ano

É preciso provar que você está fazendo barulho em excesso. Note bem: em excesso, porque predios não são conventos.

Para isso, ao menos duas testemunhas isentas, como empregados do condominio.

Assinatura: Luiz Leitão da Cunha
luizmleitao@yahoo.co.uk
Atuação exclusivamente na região dos Jardins, em São Paulo, Capital

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.