O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Como pagar FGTS e demais tributos atrasados? não temos sindico

Por Maria Joaquina
Perguntou há mais de 1 ano

Tem como pagar os tributos atrasados sem regularizar o CNPJ?
Se eu tiver o numero do CNPJ mas esse numero não estiver atrelado a nenhum cpf posso pagar os tributos?
Meu condominio esta todo irregular, o sindico desapareceu, um dos porteiros ficou doente e precisa do FGTS, gostariamos de pagar todos os direitos dele, mas o estado dele é critico e não da pra esperar pra desenrolar com nosso sindico que simplesmente sumiu e levou todos os poucos documentos do condominio

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Ordenar:

JORGE PEREIRA
JORGE PEREIRA

Respondeu há mais de 1 ano

Maria , vamos por partes . CNPJ é seu cadastro junto a receita federal nada tendo a ver com CPF., portanto se ele existe entendo como valido. Na pagina da receita federal na internet vc pode ver a situação dele , se ainda esta válido. A caixa economica pode te informar quanto ao FGTS . Aqui no meu condomínio nós temos apenas um contador que emite as guias de pagamento e quando precisei ele acessou a pagina da caixa e do inss e levantou tudo . Tente ver com um contador pois eles normalmente resolvem este problema rápidamente.
Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Maria Joaquina
Maria Joaquina

Comentou há mais de 1 ano

Prezado Jorge, muito obrigada pelos esclarecimentos. Estou muito triste com meu condominio, moro lá menos de 1 ano é a situação é triste, eles não pagam corretamente os funcionários, acho isso um absurdo, parece trabalho escravo. O sindico desapareceu, ninguem quer assumir como sindico, acho que oficialmente o desaparecido continua como sindico, mas ninguem tem documentação nenhuma desse condominio, não sei nem qual o cnpj, mas deve existir pois o porteiro me disse que muito antigamente pagavam tudo direitinho e tudo era regularizado.
Gostaria de organizar tudo, mas todos ficam acomodados e ninguem quer me ajudar, tenho medo de assumir como sindica e ter que colocar meu cnpj e responder por anos e anos de irregularidades, a situação é triste, mas o mais triste é a situação dos funcionários, espero encontrar alguma luz. Vou procurar um contador, mas onde? por indicação? nos classificados? como voce encontrou seu contador? ele cobra por mês?

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Maria Joaquina,

Em primeiro lugar você precisa ver se o CNPJ do condominio está ok. Ele tem que ser atrelado ao CPF do síndico que é quem responde peçlo condominio além disso para que voce regularize a situação do condomínio tem que ter a certificação digital, pois desde junho do ano passado que você só pode realizar qualquer depósito ou mexer no INSS ou pagar e recolher FGTS com toda essa documentação reguçlar: CNPJ ATRAELADO AO CPF DO SINDICO E CERTIFICAÇÃO DIGITAL QUE TAMBÉM É aATRELADO AO CPF DO SINDICO .

Com tantos problemas, é melhor vocês contratarem um prestador de serviços honesto, para poder colocar toda essa documentação e ordem.

Quanto ao sindico, fugiu? ninguém fez nada nem fez BO?
É preciso entrar com ação de busca e apreensão e outra por responsabilidade c ivil e criminal.

Vocês precisam eleger imediatamete um sindico e se ninguém se importa com o que está acontecendo, vai encher de ações trabalhistas e todos vão perder seus aptos.

Diga isso para os moradores, quem sabe eles vão se interessar.
BOa aorte.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.