O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Sonia Barg

Peço informação sobre a média de aumento de taxas de condominio em São Paulo durante o ano 2016.

Por Sonia Barg
Perguntou há mais de 1 ano

Preciso saber as médias de porcentagens de aumento de taxas de Condominios em São Paulo durante o ano 2016.

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Ordenar:

Osni - Assembleia.Click
Osni - Assembleia.Click

Respondeu há mais de 1 ano

Sra. Sonia. Não existe um indicador para isso. Alguns condomínios precisam de mais ou de menos dinheiro. Uma previsão orçamentária bem feita irá analisar o que precisa (ou não) ser feito!

Fonte: WWW.PROCOND.COM.BR

Assinatura: WWW.PROCOND.COM.BR
Assessoria, Consultoria, Sindico e Administração Condominial
contato@procond.com.br

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha

Respondeu há mais de 1 ano

Tenho visto muitos condominios manterem os valores nos ultimos 24 meses. Mas isso depende de cada spindico, de sua disposição em rever contratos, cortar custos.

Fonte: Luiz Leitão da Cunha

Assinatura: Luiz Leitão da Cunha
lmleitao@outlook.com
Atuação exclusivamente na região dos Jardins, em São Paulo, Capital

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.