O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Houve uma discussão na portaria, um dos condôminos puxou uma arma. O síndico deve providenciar o BO?

Por Marcos Gabriel Padilha
Perguntou há mais de 1 ano

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (5)

Ordenar:

Osni - Assembleia.Click
Osni - Assembleia.Click

Respondeu há mais de 1 ano

Marcos Discussão "na portaria" com funcionário: Se sim, o Síndico deve sim fazer Boletim de Ocorrência.
Se a discussão "na portaria" envolveu outros condôminos (e não funcionários), eles que se entendam. De nada adiantará o Sindico fazer BO se as partes não fizerem a "parte" deles.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Angela Merici Grzybowski
Angela Merici Grzybowski

Respondeu há mais de 1 ano

Credo, gente, que história é essa de condômino andar armado e ainda puxar arma em dicussão de condomínio, que exagero?!
Mas, é como o Osni falou, se a briga envolveu funconários o s´dinico deve fazer BO, afinal o funcionário éuma responsabilidade do condomínio; agora, se foi uma briga entre moradores, aí o condomínio não se envolve; mas, o síndico pode dialogar em separado com os envolvidos, pedindo calma, tolerância e ponderação, visando evitar que a ocorrência se repita ou mesmo que vire uma desgraça maior.
OK?!
Armas, como que isso desse razão a alguém, por isso o mundo está do jeito que está, os homens não sabem falar somente "berrar"!!!!!!!!

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Depende Marcos. Se a discussão foi com funcionários, o sindico deverá ir até a delegacia mais próxima e fazer o BO inclusive levando os dados do morador: RG, CPF, endereço, se ele tiver cadastro de moradores poderá pear esses dados no cadastro.

Se foi entre mordores, o sindico não deve se meter em brigas alheias, até porque poderia até ser acertado com um tiro.

Analise a sua situação e tome a atitude correta, mas não deixe de informar à delegacia que esse morador anda armado dentro do condominio e pode matar alguém.

Você já ouviu falar do CONSEG - Conselho de segurança do bairro? Procure saber onde fica o do seu bairro e lá, obrigatoriamete, estarão o delegado do bairro e o Comandante da uma Cia. da Policia Militar. Eles vão investigar e tomarão as providencias cabíveis. Claro que ele não precisa saber que foi voce, pois o processo de informar a demanda do seu condominio pode ser feita até de forma anônima, não precisa se identificar, mas é bom que faça isso atá para garantir sua própria vida.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Se a briga envolveu o próprio síndico ou um preposto do condomínio entao sim, o síndico se envolve. Do contrário só se ele testemunhou o fato.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Edina Becher
Edina Becher

Respondeu há mais de 1 ano

Sr. Marcos deve fazer o boletim de ocorrência a pessoa ameaçada. Mesmo que tenha sido o funcionário o síndico não poderá fazer o B.O , ele pode incentiva e acompanhar o funcionário para que o mesmo faça. .
Sendo funcionário, o sindico deverá tomar providências no sentido de notificar/multar o condômino que tomou essa atitude . Nem que seja preciso convocar uma assembléia para isso. não deixe passar em branco. Esse condômino tem que saber a extensão do problema que ele causou ao condomínio,se esse funcionário vir a processar o condomínio ele terá que arcar com as custas do processo e futuras indenizações que não sejam trabalhistas.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.