O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Adelia Lima

Regra sobre tempo de permanencia com pasta de balancete pelo Conselho fiscal.

Por Adelia Lima
Perguntou há mais de 1 ano

Prezados Boa noite! Gostaria de saber se existe alguma regra que regulamente qual o tempo para que cada Membro do Conselho Fiscal permaneça com a pasta do demonstrativo mensal em suas mãos para análise. Antecipadamente agradecida,
Adelia Lima

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (9)

Ordenar:

Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Norma legal nenhuma. Talvez na sua convenção???

No meu prédio nem mesmo o conselho pode levar as pastas para analise; ele fica analisando as pastas todos os dias, pelo tempo que ele quiser ficar, desde que em horário comercial e dentro da administradora.

A responsabilidade pela guarda dos documentos é do síndico de forma que você não precisa permitir que alguém fique com as pastas. Mas você deveria digitalizá-las, ok?Assim todos teriam acesso a elas do conforto do seu lar.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Carlos Alberto de Lima
Carlos Alberto de Lima

Respondeu há mais de 1 ano

Adelia, bom dia! O Conselho Fiscal deverá ser coerente entre os seus membros, permanecendo com uma pasta no máximo 15 dias. Isso não é regra,, tem que ser conduzido pelo Síndico e pela Administradora para que tudo transcorra da melhor forma possível.
Outros pontos importantes - tem que ser observados a Convenção e o Regulamento Interno, se ambos diz algo a respeito.

Assinatura: Carlos Alberto de Lima

Síndico Profissional

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Adelia não sei o tamanho do seu condomínio mas no meu, 75 apes, do jeito que as pastas são organizadas eu consigo ver o ano inteiro em um dia (e muito bem verificado).

Como você vê pela resposta do colega (15 dias) tudo vai depender realmente da sua convenção ou de como vocês se acertam.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Márcio Spimpolo
Márcio Spimpolo

Respondeu há mais de 1 ano

No meu condomínio damos um prazo razoável pros conselheiros ficaram com as pastas pois não há nada no regulamento falando sobre isso. Geralmente 1 semana com cada um é suficiente.

O que manda, neste caso, é a prática em verificar todos os documentos e as condições de tempo dos conselheiros.

Assinatura: Márcio Spimpolo
Directa - Assessoria Jurídica, Cobranças & Negociações
Ribeirão Preto - SP

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Adélia,

O sindico é responsável pela guarda das pastas, portanto, ele dita o prazo que confia que o conselho fique com a pasta, se não constar na convenção.

Assinatura: Telma Carvalho
Síndica profissional

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Marisa,

Vale lembrar que o seu condominio,além de 75 aptos. é habitado temporariamente, já que fica na praia. As despesas devem ser mínimas e a pasta bem pequena, além de você ser uma super sindica e conferir um ano em 1 dia - inédito..

No nosso condominio, 320 aptos. a pasta tem 600 páginas e eu permito que o conselho fique com ela até 15 dias.

Não tenho inimigos no conselho que possam retirar qualquer documento até porque as páginas são numeradas e eu tenho plena confiança nos conselheiros.

Se já está difícil alguém conferir pastas (conselho fiscal) imagine se determinar dia e hora para a verificação. As pessoas trabalham e eu dou graças a Deus quando eles se dispõem a conferir as pastas de prestação de contas.

Assinatura: Telma Carvalho
Síndica profissional

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Telma ironia não.

Nós temos todas as despesas normais de um condomínio, com funcionários, manutenções e etc. Somos pequenos mas bastante organizados.

O síndico deveria conferir as pastas tão logo elas fiquem prontas. Mas sabe como eu peguei um rombo enorme da síndica ladra? Por causa de R$30,00 a mais na CPMF. Sem acesso a documento nenhum, claro. Esses documentos foram pedidos em ação de busca e apreensão de documentos em 2008 e agora (2014) a justiça decidiu que temos direito a eles. Como se diz: para quem sabe ler um pingo é letra.

No mais eu não vejo muito sentido em confiar só por uns dias, e nem é uma questão de desconfiança, é praticidade mesmo. Administradoras da Praia Grande costumam disponibilizar salas para reuniões do conselho, onde o síndico nem aparece. Muito mais prático do que cada um por as pastas no seu carro e levá-las para suas cidades. E o mesmo direito que tem os conselheiros têm os demais condôminos; por isso eu digo: digitalize as pastas. Bem vindos à era digital e à transparência administrativa.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Desculpe, me expressei mal ou você me interpretou mal.

Porque pelo que eu me lembro a sua experiência é parecida com a minha: você levou o maior baile para conseguir destituir um síndico que também roubava o seu condomínio, ou estou enganada?

Mas não se preocupe, esta manifestação é um esclarecimento e um pedido de desculpas, fique tranquila, não me dirijo mais a você.

Abraços, boa sorte

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.