O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Maicon Diego Nunes de Freitas

Síndico assumiu como zelador mas não realiza as atividades, o que fazer?

Por Maicon Diego Nunes de Freitas
Perguntou há 3 meses

2-) Nosso síndico, recebe um salário mínimo e isento da taxa de condomínio, ofereceu seus serviços como zelador, recebendo a importância de 1350,00 reais mensalmente, aprovado na última AGE que validou sua reeleição. No Extrato de despesas, esse valor de zeladoria aparece como Elétrica, e acontece que um grupo de moradores, insatisfeitos com seus trabalhos fizeram um relatório de 31 páginas para apresentar e cobrar do síndico as melhorias que eles viam serem possíveis de ser realizadas por essa prestação de serviço, e reclamavam de muitas coisas que não estavam sendo feitas, inclusive da parte elétrica. Em muitos casos, apesar de receber essa quantia mensal, ele contrata outras pessoas/empresas para realizar o serviço mas repassa a despesa ao condomínio. Seria possível resolver ?

2/5

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (5)

Ordenar:

CLAUDIO FAGUNDES SARAIVA FILHO
CLAUDIO FAGUNDES SARAIVA FILHO

Respondeu há 3 meses

Dispense o zelador incompetente e o sindico que o contratou. Nepotismo e' quando se contrata parente, não sei o termo para quem contrata a si mesmo.....

Vocês precisam mobilizar 1/4 dos condôminos (abaixo assinado) e convocar uma assembleia para questionamento dessas ações e decisões.
Se enxergam a possibilidade de ter que substituir o sindico, incluam na convocação a possibilidade de destituição e eleição de novo sindico.

O caminho para a troca de sindico esta no vídeo abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=D8g8BNFobts

Siga o link ou copie e cole no seu browser.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Paulo Rodrigues de Moura
Paulo Rodrigues de Moura

Respondeu há 3 meses

Boa noite! Alguém se acidentar vocês vão saberem que tem coisa que não deve-se abrir mão da formalidade, serviço tem que ser realizado por um profissional, vocês estão implorando por processo.

Ele pode ser zelador,mas precisa ser registrado em carteira.

Fonte: 12

Assinatura: paulosindicoprofissional@outlook.com 11 98440-4093.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há 3 meses

1/4 dos condôminos convoca a assembleia. Relatórios só servem para depor contra vocês inclusive nos termos da lei do assédio.

Para com mimimi e parta para a ação. CONVOQUEM UMA ASSEMBLEIA E DESTITUAM O HOMEM.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha

Respondeu há 3 meses

Simples de resolver: destituam/demitam o sindico/zelador.

Assinatura: Luiz Leitão da Cunha - Síndico Profissional - Jornalista Especializado, colunista da revista Direcional Condomínios
Área de atuação: bairros Cerqueira Cesar/Jardins e Pinheiros
https://luizleitaosindicoprofissional.wordpress.com/

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
HELIO SANDER DOS SANTOS
HELIO SANDER DOS SANTOS

Respondeu há 3 meses

No fringir dos ovos, o que está acontecendo é que há despesas não aprovadas pela assembleia sendo efetivadas e lançamentos incorretos na prestação de contas.

Sendo assim, o conselho fiscal deve notificar o síndico para corrigir estas falhas dando um prazo exequível.

Se não corrigir, os condôminos podem se reunir e destituir o síndico e eleger um outro.

Abraços,

Assinatura: Hélio Sander - CRA-MG 41010
Síndico Profissional e Administrador de Condominos
34 9 9870 8497

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.