Pergunta

William

Problema de infiltração proveniente da área comum

Por William, 8 dias atrás

Olá. Estou com um grande problema de infiltração em minha residência desde Janeiro de 2016. Desde então tenho tentado solução com a construtora, visto que o condomínio foi entregue em Dezembro de 2013 e ainda está na garantia. Porém, não consigo solução, tenho diversos protocolos de atendimento e a construtora diz que não tem mão de obra disponível e nada se resolve. Nesse mesmo período, entrei em contato com a sindica do prédio pedindo ação, pois moro no último andar e as infiltrações são provenientes da área comum. Na época ela me informou que estaria contando empresas para o reparo, mas isso não ocorreu.
Ela acionou a construtora PDG em Junho de 2016 com diversos vícios construtivos. Diversos moradores estão com o mesmo problema. Eu tenho infiltração na cozinha, na sala e no quarto. No quarto nem posso mais acender a luz, pois a umidade está justamente no local da iluminação. Montamos um grupo de vizinhos do último andar, com o objetivo de cobrar soluções pelo condomínio, mas não estamos tendo sucesso, já fizemos reuniões com a administração, trocamos diversos e-mails, mas a administração do prédio sempre dá desculpas que como já foi dado início ao processo, eles não podem fazer qualquer reparo.
Além de termos problemas de má qualidade na construção, o condomínio não faz manutenção preventiva no prédio. Na área do terraço, já vimos entulho acumulado, sujeira em ralos, telha quebradas e rachadas que não são substituídas, falta de limpeza e conservação geral, diversos itens sem manutenção. E essa falta de manutenção agrava cada vez mais a situação em momentos de chuva.
É complicado depender da justiça, enquanto isso, nós sofremos.
Podemos processar o condomínio? A situação está cada vez mais agravada. Obrigado.

Responder esta pergunta

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Marcus Vinicius A Feitosa
Marcus Vinicius A Feitosa respondeu 8 dias atrás

Em relação ao prazo de garantia no que tange a impermeabilização é de 5 anos, desde que não tenha sido nenhuma interferência que venha a danificar o sistema como por exemplo fixação de pregos, antenas diretamente sobre a manta asfáltica vindo a danifica-la.
Quanto a manutenção das áreas comuns fica a cargo do condomínio, e para isto que é pago a taxa condominial.
Sugiro inicialmente um conversa com a construtora, para que neste primeiro momento seja expostos os problemas e ela irá se comprometer a executa-los dentro de um cronograma; caso não haja sucesso, documente os fatos, seja através de emails, correspondências ou similares a fim de se guarnecer para ações jurídicas futuras.
Quanto ao condomínio, é OBRIGAÇÃO do mesmo zelar pela área comum, e para tanto sugere-se um programa de manutenção que deverá ser monitorados por todos, e caso não seja realizado a contento cabe reunião para discutir o mesmo com o síndico e o conselhor para tomar as medidas cabíveis.
Esgotado o momento da conversa, sugiro documentar os fatos através de laudo técnico, procurar um advogado com o intuito de propor uma ação, e ao resolver o problema guardar todas os documentos e notas fiscais dos custos para ser ressarcido pelo responsável.
Espero ter ajudado, estou a disposição.

Eng.º Marcus Vinicius Augusto Feitosa (94110-2631)

Geraldo Majella da Silva
Geraldo Majella da Silva respondeu 8 dias atrás

Willian - Em minha opinião, o condomínio resolveria todos os problemas apresentados e tentava cobrar da construtora, acionando na Justiça. A nossa Justiça vem de cágado e poderá demorar anos, porque a construtora fará tudo para sair fora destes problemas. O que não pode acontecer é deixar a coisa acontecer e ficarem esperando soluções da construtora. O risco é o mesmo a construtora poderá consertar ou não. 0k

Fonte: Pessoal

Geraldo Majella da Silva

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

77.740 Compradores
243.945 Cotações
1.946 Fornecedores

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...