O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Responder pergunta

Cristina Elian Auad Guimarães

Posso cobrar cota extra para obras emergenciais e sem fazer assembléia ? É um condominio de casas .

Por Cristina Elian Auad Guimarães

Outras respostas (4)

Hilton da Fonte Ferreira
Hilton da Fonte Ferreira

Respondeu há mais de 1 ano

Qualquer Condomínio, para que seja criada quota extra, é necessário uma assembléia, a não ser aquelas que sejam extremamente emergenciais, tipo, tem um vazamento enorme, que está enchendo a casa de alguém de água, e tem que ser feito imediatamente, ou, outros exemplos, como, não foi paga a conta de agua e não se viu isso e agora tem que pagar duas, sob pena de se cortar, nesse caso, se emite logo uma quota extra e pode na mesma emissão, marcar logo uma assembleia, para a explicar e aprová-la (mesmo que não a aprovem na mesma, já terá o respaldo para aprová-la em Juízo) ! Mas se forem outras despesas que possam esperar, tipo, conserto de rua, pintura, troca de tubulação que foi verificado que está ruim, nesse caso, primeiro tem que ser feito a assembléia para aprová-las, isso é o correto, apesar de alguns condomínio fazerem diferente !

Bianca Lunetta Panariello
Bianca Lunetta Panariello

Respondeu há mais de 1 ano

Srª Cristina, quando a despesa for emergencial, o condominio pode ate pedir emprestado em banco e pagar depois. Mas deve-se pagar e logo apos convocar assembleia para inclusive cobrar taxa extra.

Bernardo
Bernardo

Respondeu há mais de 1 ano

Sra. Cristina, geralmente a convenção ou regulamento interno permite ao síndico ordenar reparos urgentes ou adquirir o que seja necessário a segurança ou conservação do edifício, até um determinado limite financeiro mensal, que geralmente varia entre 10 a 20 salários mínimos vigentes. Quando exceder essa importância é necessário convocação de uma AGE para deliberar desde o mérito da urgência do reparo até os custos envolvidos e a sua aprovação ou não.
Caso a convenção não regulamente sobre obras emergências, sugiro promover essa alteração para evitar problemas futuros de improbidade administrativa.

E. Rui Franco
E. Rui Franco

Respondeu há mais de 1 ano

Se for obras emergenciais que coloquem em risco a segurança dos moradores ou outrem, deve fazer sob pena de responder criminalmente e civilmente. Depois convoque assembléia e comunique.
Outras despesas, convoque assembléia, aprove e execute.

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.