O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Responder pergunta

eduardo

Boleto de condominio em nome do inquilino

Por eduardo

Outras respostas (7)

Osni - Assembleia.Click
Osni - Assembleia.Click

Respondeu há mais de 1 ano

Eduardo, Eu entendo como procedimento correto o envio do boleto em nome do proprietário, Tenho casos (poucos) em que o inquilino recebe e paga por pedido formal do proprietário, mas, sempre, num único boleto e em nome do proprietário já que as tratativas entre proprietário e inquilino nada tem a ver com o Condomínio.

eduardo
eduardo

Respondeu há mais de 1 ano

Ok,esta pratica e antiga no condominio aqui,se estiver errado,quero mudar. Osni,os boletos daqui sao enviados em nome dos inquilinos,que pagam a taxa condominial. Ja os boletos com o fundo de reserva vao em nome dos proprietarios,que o pagam. Isso e costume antigo aqui, mas como peguei a sindicancia agora,estou preocupado com a legalidade,pra nao ter problemas juridicos.
Muito obrigado!












Osni - Assembleia.Click
Osni - Assembleia.Click

Respondeu há mais de 1 ano

Eduardo, Só o aspecto de onerar o condomínio com a impressão e postagem de 2 boletos já seria suficiente - para mim- de mandar apenas um e ao proprietário,
A obrigação de pagar o condomínio é do proprietário. Se envolver, mandando boleto ao inquilino, pode (eventualmente) dar brecha para discussões,

Compliance Sindico Profissional
Compliance Sindico Profissional

Respondeu há mais de 1 ano

Eduardo,

Toda despesa seja ordinária ou extraordinária o boleto devera ser enviado sempre nominal ao titular da unidade, ou seja, o proprietário e jamais ao inquilino que não tem vincula algum com o condomínio, sequer cuidada da gestão da locação e inclusive, é irrelevante para o condomínio, saber se o valor será pago pelo o proprietário ou o inquilino. Vamos imaginar, o condomínio propõe ação de cobrança contra o inquilino, certeza ele vai alegar em juízo ilegitimidade de parte e a ação poderá ser extinta sem o julgamento do mérito e lá se foi perda de tempo, despesas... etc., sem contar, que o condomínio poderá responder processo por danos morais. Vc tem razão, melhor coibir essa pratica, para resguardar o condomínio e não ser penalizado. Porquanto, como essa pratica se tornou habitual, a titulo de sugestão, entendo que o síndico deveria enviar comunicado aos condôminos informando a adoção desse procedimento.

eduardo
eduardo

Respondeu há mais de 1 ano

Osni e Valmir,
Obrigado,otimas respostas,esclareceram tudo. Tambem me pareceu incorreto.



Osni e Valmir,muito obrigado,esclareceu bastante. Tambem nao me parece correto,essa pratica. Vamos ver se entendi direito. Devo enviar um boleto so,em nome do proprietario,com o valor total,taxa + fundo,e o proprietario que descontara o valor do fundo da quantia recebida do aluguel,certo?













Osni - Assembleia.Click
Osni - Assembleia.Click

Respondeu há mais de 1 ano

Eduardo, Correto seu entendimento.

Um abraço

Pedro Rocha Artero
Pedro Rocha Artero

Respondeu há 11 meses

O condomínio não assina contrato de locação com o inquilino, então não pode cobrar o inquilino, deve cobrar o condômino, sendo assim, o boleto deve estar no nome do condômino e no seu CPF, entretanto, como o apartamento foi alugado, será será incluído uma linha no boleto aos cuidados do inquilino.

A relação jurídica do condomínio é com o proprietário, portanto, o correto é a emissão do boleto sempre em nome deste, que é o condômino e responsável legal pelo pagamento das despesas mensais.

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.