Administradoras de condomínios

Guia sobre Administradoras de Condomínios

Veja nesse guia tudo que você precisa saber sobre administradoras de condomínios

Por Mariana Ribeiro Desimone

quinta-feira, 14 de outubro de 2010


Não há, no dia-a-dia do condomínio empresa mais parceira do síndico do que a administradora. É, aliás, prerrogativa do síndico escolher a empresa que o ajudará na gestão do empreendimento.

Escolhida pelo síndico, e ratificada pela maioria em assembleia, a empresa é responsável pelos trâmites administrativos da vida em condomínio. É a ela que os moradores devem recorrer, por exemplo, quando têm perguntas sobre a ata da última assembleia, ou quando querem negociar uma cota em aberto.

Esse guia mostra todos os cuidados que o síndico deve ter com a administradora, do momento da contratação à troca da empresa, passando, é claro, pela atenção que se deve dar ao serviço prestado todos os dias. Há matérias sobre as atribuições da empresa, dicas de contratação, como o contrato de prestação de serviços deve ser, falência da administradora, entre outras!

Para acessar as páginas deste Guia, use o Índice acima (ou logo abaixo):

Páginas do Guia (índice)

Empresas do setor por região: