O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Patricia Nascimento

Pra provar uma votação de assembléia não tem que ter documento que comprove votos contra e a favor?

Por Patricia Nascimento
Perguntou há mais de 1 ano

Se o sindico sugere uma alteração nas normas do condominio, e coloca em votação o certo é ter um documento que comprove a veracidade da votação, com numero de participantes, com os votos a favor e com os votos contra, porque para o meu entendimento se não houver esse documento o sindico pode colocar o que ele bem entender na ata dizendo que as alterações foram aprovadas por unanimidades quando não é verdade..

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Ordenar:

Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Patricia,

Hoje em dia, se voce for perguntar quem e contra e quem é a favor,. perde-se um tempo medonho.
Aqui no nosso condominio às pessoas à favor levantam a mão e conta-se quantos levantaram a mão e depois os que votam a favor da mesmam forma. Isso conta na Ata, ou se diz que foi votado por mairia simples, ou seja, 50% + 1 dos presentes.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Comentou há mais de 1 ano

E não daria para alguém levantar a mão duas vezes?

No meu caso seria difícil controlar porque como é praia e a administradora é de frente para o mar, os casais já aparecem na Ag até de guardassol a tiracolo, então vai que um gaiato resolva levantar a mão também. Nós relamente saimos para o "mano a mano".

Bj

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Patricia

Isso é feito pelo presidente da assembleia , no ato da votação. De tantos condôminos com direito a voto "x" são favoráveis e "y" são contrários; se "x" for maior do "y" pauta aprovada; se algum participante ficou em dúvida, conta-se de novo. Tudo isso se resolve na hora da AG, não adianta questionar depois. O que exatamente está acontecendo por aí?

DOIS detalhes: primeiro que o síndico não pode colocar o que ele quiser porque quem manda na AG e na ATA é presidente da mesa e não o síndico, introduzir dados falsos na ATA que alterem o resultado da AG pode ser considerado crime de falsidade ideológica. Segundo: seria um crime fácil de ser constatado, bastaria que se perguntasse, um por um dos participantes, como foi que eles votaram; se de qualquer forma a pauta foi aprovada, sendo o único erro a palavra "unanimidade" basta corrigir isso; grave seria o contrário, a AG não aprovar e na ATA colocarem falsamente que algo foi aprovado, nesse caso será preciso um tremendo "furdunço" para convocar nova AG (1/4 dos condôminos pode) ou ir para a justiça. Eu iria para a justiça.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.