O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Cancelaram nossa Assembleia, e agora?

Por Leticia
Perguntou há mais de 1 ano

Há alguns dias, eu expus aqui que a síndica do meu prédio, perpetuando por 10 anos, estava querendo impedir uma assembleia convocada pelos condôminos, a fim de fazê-la prestar esclarecimentos sobre assuntos que nos despertaram desconfiança (além da não prestação de contas). A Assembleia foi convocada legalmente dentro dos moldes: 1/4 de assinaturas de condôminos adimplentes e convocação protocolada a todos os proprietários, edital com todas as pautas definidas de forma correta.

Ela primeiramente fez um escândalo disse que ia impedir os moradores de usarem o salão de festas para a assembleia, disse que não iria aparecer e disse que iria impedir a entrada dos moradores participantes no prédio. Sabemos que ela não poderia fazer isso e ficamos tranquilos.

Mas agora, recebemos uma carta da Administradora (que nem tinha sido chamada na conversa), decretando a proibição da assembleia pois, segundo eles, ela não coloca em pauta assuntos relevantes ao condomínio e por isso é ilegal. Como vocês podem ver, estamos aprisionados e essa atitude só gera mais desconfiança, pois eles evitam a todo o custo que os moradores interfiram na administração deles.

Nesse caso, o que podemos fazer de pronto? SOCORRO!!!

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (4)

Ordenar:

Paula Marissa Silveira
Paula Marissa Silveira

Respondeu há mais de 1 ano

Quais foram os assuntos colocados em Edital?

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Leticia
Leticia

Comentou há mais de 1 ano

O primeiro deles é para que a síndica explique porque ela omitiu que o prédio estava sendo processado por uma empresa terceirizada. Perdemos o processo, de 40 mil, e nenhum morador ficou sabendo, muitos ainda não sabem que teremos que pagar.
O segundo deles é para explicar porque o seguro do prédio pulou de 2 mil para 6 mil de um ano para o outro, sendo que a apólice não mudou em nada e sendo que o valor é 3 vezes a mais do que o correto. Ela não quer cancelar esse seguro de jeito nenhum e estamos desconfiados disso.
O terceiro é referente a prestação de contas que não são feitas e também são omitidas ao moradores, eles nos ameaçam todas as vezes que tentamos ver essas pastas e está gerando desconfiança o fato do fundo de reserva ter zerado apenas com itens de decoração (40 mil), sendo que é para obras emergenciais. O 13º salários dos funcionários está sendo tirado do fundo de reserva também.

Enfim, são imensos os problemas daqui, mas o pior é o autoritarismo. Eles tem imenso pavor de prestar esclarecimentos sobre quaisquer assuntos do prédio, porém querem aumentar a taxa do condomínio em mais de 100 reais, o que todos acharam absurdo, pois é inviável.




Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Letiaia:
Vamos às respostas:

1) Voce providenciou abaixo assinado com 1/4 dos moradores adimplentes. Todos os moradores recebera, a convocação? voce tem como provar que entregou a todos? mandou as convocações por carta registrada?
Veja bem, se APENAS UM DOS PROPRIETÁRIOS não recebeu a convocação ela será impugnada.

2) - imaginando que voces seguiram todos esses passos, quais os assuntos colocados em pauta?

A sindica não pode proibir os moradores de entrar ou sair de qualquer lugar, pois ela estaria ferindo a Constituição. Todos têm o direito de ir e vir. Se ela não aparecer problema dela, mas vocês podem discutir os assuntos e votar , mesmo sem a presença dela e que decidirem na assembléia, dependendo da pauta, terá validade.

3) A administrado não cabe dizer o que é relevante para o condominio, os moradores é que decidem o que é relevante e não existe nenhuma lei que proíba que determinados assuntos sejam colocados em pauta.

Diante de tudo isso, vocês podem ainda fazer novo abaixo assinado da mesma forma, enviar para todos os condominios e destitur a sindica por não prestar contas, por mal administrar o condominio ou por, supostamente, praticar irregularidades.
Boa sorte!

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Comentou há mais de 1 ano

Só um detalhe: entendo eu que se um único condômino não foi convocado, ele, e apenas ele, tem legitimidade para pedir a anulação da AG.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Leticia a administradora é sapo de fora, e como diz o ditado: sapo de fora não chia.

Apenas siga em frente com a sua assembleia, e lavre a ATA e colha a assinatura dos presentes no ato, para evitar delongas ok?

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Leticia
Leticia

Respondeu há mais de 1 ano

O julgamento do processo meio que diz que nosso condomínio agiu de má fé ao deixar de pagar o serviços prestados pela terceirizada, pois sabia dos custos. Já passou por recurso e foi negado.

Todos os proprietários receberam a convocação, estamos com tudo protocolado.

Sobre o seguro, nós conseguimos pegar a apólice e de um ano para o outro não houve mudanças na cobertura, o que foi mudado (pra 3 vezes mais) foi o valor do patrimonio coberto, que não corresponde com a realidade. Já chamamos um corretor e ele nos fez a real projeção do valor de um seguro para um prédio como o nosso e o valor caiu 4 mil reais em relação ao que temos.


A previsão orçamentária não foi aprovada por nós. Havia gastos extremos em vários itens e entramos como uma proposta de fazer uma previsão orçamentária paralela, a fim de mostrarmos que não havia necessidade do aumento do condomínio. Mas a síndica (ela fica absolutamente louca quando pedimos para verificar as pastas) não gostou e junto com a administradora decidiu ratificar a assembleia para impedir que os moradores apresentem previsão orçamentária menor.

O fundo de reserva foi gasto com compra de vasos, quandros, sofá, flores, etc...e agora estamos zerados.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Leticia
Leticia

Comentou há mais de 1 ano

Outra coisa que esqueci de comentar: nossa sindica só está no poder há 10 anos graças as suas procurações, que ultimamente estão sendo recicladas de uma assembleia para outra, com nome de pessoas que estão morando no exterior e até de proprietário que estava na cadeia. Descobrimos agora que além disso, ela estava usando a assinatura de uma inquilina como se fosse da proprietária do apto e usando a procuração dessa forma. Hoje, quem dá procuração para ela são os proprietários que não moram mais aqui, porque eles não recebem as atas das assembleias e não estão ao par do que está acontecendo...Ela não pede procuração, ela exige e inventa que é pra outros fins.

Nós queríamos limitar o número dessas procurações, porque aí resolveríamos vários problemas, inclusive o da perpetuação da síndica. Mas eles impedem isso, colocando que o assunto deve ser tratado no tópico "Assuntos Gerais" das assembleias e deixando claro que dentro desse tópico NADA poderá ser passível de votação. Ou seja...impedem tudo o que é prejudicial a eles. E absolutamente tudo o que eles fazem contra os moradores, ou o que os moradores questionam e eles não querem responder é omitido em ata.

Nas assembleias a síndica usualmente se faz de vitima e desmente vários fatos ditos em oportunidades anteriores, acusa os moradores de serem mentirosos, etc. É um show de chantagem...por isso pensamos em gravar as assembleias.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Conteúdos relacionados

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.