O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

ricardo

aprovação de substituição de equipamentos de academia de musculação tem quorum para aprovação?

Por ricardo
Perguntou há mais de 1 ano

Um determinado condomínio com 1.000 condôminos recebeu da construtora um clube contendo vários ambientes, inclusive uma academia de ginástica com vários aparelhos de musculação.

Tendo em vista a necessidade de reformar os aparelhos ou até mesmo a possibilidade de trocá-los.

Decidiu-se por uma comissão criada para avaliação de preços de academia pela troca dos aparelhos, portanto, qual seria o quorum para aprovação de taxa extra para troca dos aparelhos cujo custo fosse em torno de R$200.000,00 equivalente a 200 reais por condômino?

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Ordenar:

Leonardo pereira
Leonardo pereira

Respondeu há mais de 1 ano

Boa noite Ricardo.

Se é condomínio, tem síndico ou conselho.
O síndico tem sim autonomia em manutenções.
Porém, se faz necessário TRANSPARÊNCIA e sabedoria.

Foi feito convocação (AGE) para criar a comissão e taxa extra?
O quorum para aprovação geralmente é 50% + 1 dos presentes. (Importante observar o que diz o regimento interno).

R$200.000 dividido por 1000 = R$200,00 por unidade.
Pode ser sugerido, em assembleia, o parcelamento do valor.

Espero tê-lo ajudado.
Abraço.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (2)
ricardo
ricardo

Comentou há mais de 1 ano

No início do ano tem a questão da previsão orçamentária, algum condômino pode alegar que a troca dos aparelhos não é legal, tendo em vista que não houve previsão orçamentária e o que pode ser feito é somente consertar os aparelhos existentes, portanto, se alguém alegar dessa forma vence judicialmente ?

Do contrário será fácil aprovar com 50%+1 dos condôminos (maioria simples) dos presentes em assembleia. Ou melhor, por ser obra necessária será esse quorum mesmo. O detalhe é só em relação ao que questiono no parágrafo anterior, ou seja, pode alguém alegar que não houve previsão orçamentária e cobrar taxa extra seria ilegal ? ou posso aprovar a comissão e esta definir se será pela troca dos aparelhos ou pelo conserto? Se for pelo conserto será uma tristeza pois os aparelhos já estão muito defasados.

Então, posso aprovar qualquer tipo de assunto que não tenha entrado na previsão orçamentária e obter taxa extra para benefício do condomínio? de qualquer forma sempre será em benefício do condomínio.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
ricardo
ricardo

Comentou há mais de 1 ano

Até o momento foi só feita uma convocação de AGE para criar a comissão.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Ricardo,

Porque vocês não pensam em colocar uma pessoa, dona de academia, que atendesse ao local por um valor mensal? Talvez saísse mais barato.

De qualquer forma, e na minha opinião, essa é uma obra necessária, já que os aparelhos vão se deteriorando ou precisando de reparos. O quórum para uma decisão dessas é maioria simples, ou seja, maioria dos presentes.

Quanto ao valor, vocês podem dividir em até 10 a 7 parcelas o que não mexeria muito no bolso dos condôminos.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
ricardo
ricardo

Comentou há mais de 1 ano

Maria Telma,

Concordo em termos, o condomínio aqui é grande, 1000 condôminos, 200 reais para cada condômino e que pode ser dividido conforme vc mesma disse, acho que não onera tanto. Mas de qualquer forma sua ideia foi boa. Valeu.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.