O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×

Favoritos

Entrar

Pergunta

Fabricio Paiva

Com quantos paus se faz uma canoa?

Por Fabricio Paiva
Perguntou há mais de 1 ano

Com quantos processos se tira um síndico tirano e abusivo? Que como muitos outros síndicos, buscam dominar as assembleias e construir uma " família" mafiosa e cumplice para descumprimento da convenção e RI, alterações indevidas, coação e constrangimento de condômino em minoria, etc, etc, etc

Responder esta pergunta
WhatsApp
LinkedIn

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (4)

Ordenar:

Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Respondeu há mais de 1 ano

Caro Fabricio,
É só conseguir um abaixo assinado de 1/4 dos moradores, fazer a convocação para uma AGE cuja pauta seja destituir o sindico e eleger outro.

É claro que você tem que provar que o sindico administra mal o condominio, ou não presta contas ou pratica irregularidades.
Tendo provas concretas, vocês podem destituí-lo sim.
Boa sorte!!!!!

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Fabricio Paiva
Fabricio Paiva

Comentou há mais de 1 ano

Prezada Maria Telma
Se eu fosse por esse caminho eles sempre me venceriam com suas procurações. Eu fui juntando evidências, apresentando relatórios, e como as ações eram continuadas e regustradas em ata, abrindo processos, primeiro contra o condomínio e depois contra a síndica. Ela está prestes a perder o primeiro, que irá servir de reforço para o segundo. Assim quando os condôminos forem forçados a pagar minha indenização, vão reavaliar melhor suas procurações continuadas.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Angela Merici Grzybowski
Angela Merici Grzybowski

Respondeu há mais de 1 ano

Fabrício não se iluda, ao terem que pagar a sua indenização, os demais condominos vão é te discriminar, dizendo que você procurou "pelo em ovo" pra tirar dinheiro do condomínio; não vão raciocinar que você tinha razão e a síndica não é correta.
Procuração se derruba com mobilização e procuração, e não apenas com acusações, mas se mesmo assim, você não conseguiu convencê-los, aí o melhor é mudar, meu amigo, brigas e mais brigas só geram desconforto.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Maria Telma Falcão de Carvalho
Maria Telma Falcão de Carvalho

Comentou há mais de 1 ano

Prezada Angela,

Embora respeite muitos seus pontos de vista e suas colocações, eu não diria ao nosso caro Fabricio que ele devia se mudar. É sair de um condomínio para entrar em outro praticamente igual. Você conhece,por esse forum mesmo pode ter uma amostragem, de quantos sindicos desse tipo existem.
Eu aconselho a lutar a boa luta e se tiver que ser pela justiça que seja. Se os moradores o ignorarem, nenhum problema, há não ser que os condominos paguem as contas dele.
Nós não precisamos baixar a cabeça, temos sempre que lutar pelos nossos direios.
É por isso que está cheio de gente querendo virar sindico e tirar vantagem, ou vai me dizer que não é a realidade?
Se ele esiver adimplente pode ir na AGE, pode falar à vontade, pode espernear, nem todo mundo é obrigado a ac eitar desmandos de sindicos tiranos.
Bom domingo!!!!!!!!!!!!!!!!
Telma

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Marisa Marta Sanchez
Marisa Marta Sanchez

Respondeu há mais de 1 ano

Fabricio

Eu passei por esse duro caminho de brigar sozinha, num prédio de temporada onde a síndica morava e eu não. Já viu a desvantagem, né, nem mesmo 1/4 dos condôminos eu conseguiria porque a esmagadora maioria é de fora. E os moradores acreditavam piamente nela.

Eu fiz uma carta aberta a todos, joguei por debaixo das portas, fui para a justiça em ação de exibição de documentos e quando ela viu que perderia simplesmente vendeu o ape e nos deixou com um bom prejuizo. Entre notar as falcatruas e conseguir registrar isso em ATA foram três anos, porque ela manipulava as ATAS, então uma ATA decente só aconteceu quando eu pedi para ser eleita presidente da mesa. Ninguém entendeu nada mas me elegeram presidente mesmo ela sendo contra. E a partir daí eu tive uma ATA como base em alegação judicial.

Condomínio é um saco, síndico honesto parece mosca branca por isso periga de você sair daí e trocar meia duzia por seis, então na minha hunilde opinião, o melhor é ficar e lutar.

Na última assembleia dela como síndica todos já me apoiaram e não aprovaram as contas dela, mas foi um trabalho de formiguinha, foi desgastante, eu tive que praticamente "abrir a cabeça das pessoas" para mostrar que se nós arrecadamos 15 e gastamos 10 o certo seria um saldo de 5 e não um deficit de 3. Que era mais ou menos o que acontecia.

Lute se você acha que vale a pena, meu castigo foi até hoje não ter conseguido me "safar" de ajudar no prédio. Mesmo com minha abaladíssima situação pessoal, é para mim que todos correm. A próxima vítima (digo, o próximo infeliz que vai se candidatar a síndico) já me ligou perguntando se pode contar com a minha assistencia.

Vai fundo, não é a soma é o princípio.

Abraços

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Ver todos os comentários (1)
Fabricio Paiva
Fabricio Paiva

Comentou há mais de 1 ano

Agi observabdo as atas, e processando sempre que houvesse descumprimento da convenção e da lei ou dano moral à minha pessoa.

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn
Fabricio Paiva
Fabricio Paiva

Respondeu há mais de 1 ano

Aqui vai a receita do bolo: comece registrando dia, hora e local de todo evento persecutório;
tire cópia das atas e verifique se está havendo aprovações em assuntos gerais, se a convenção e RI estão sendo desrespeitados, assim como as leis; se estão criando dificuldades e restrições exageradas para o acesso as partes comuns; se estão tirando os jogos e fechando as salas;
se começam a ameaçar de multas e cobranças indevidas; se estão fraudando as atas e as votações;
se estão dando eclarações por rescrito em atas e outros contra você. E
a partir daí você monta uma barragem de processos:
- um contra o condomínio por perseguição e assédio moral;
- uma notícia crime no MP contra a síndica por ameaça e constrangimento ilegal;
- um processo contra a síndica por dano moral;
- uma notificação judical contra a imobiliária e seu advogado por omissão e conivência;
e finalmente 06 processos contra condôminos que dão declarações falsas.
E se for preciso ainda tem mais.....
Abraço

Compartilhar
WhatsApp
LinkedIn

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

7.146 Compradores
14.703 Cotações
6.000 Fornecedores
Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.