O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu

Pergunta

WhatsApp
LinkedIn
Douglas Rezende

Como proceder depois de várias tentativas cobranças de inadiplencia?

Por Douglas Rezende
13 dias

Realizamos cobrança atraves de correios, de carta, telefonemas.

O imovel comercial esta alugado onde alega que pela convençao ele deveria pagar proporcional, na qual já foi alterada.

Sem sucesso e agora?

Responder esta pergunta

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (7)

Paulo Rodrigues de Moura
Paulo Rodrigues de Moura respondeu
13 dias

Boa noite! Já deveria ter colocado no jurídico.

Fonte: 12

paulorodrbiguesmoura@hotmail.com
(11) 98440-4093

Geraldo Majella da Silva
Geraldo Majella da Silva respondeu
13 dias

Douglas - Contrate um Bom Advogado em sua cidade e solicite a ele entrar com um processo de cobrança conta o inadimplente, que é o proprietário do imóvel em referencia.
O Advogado solicitará a você uma certidão de ônus reais do imóvel para processar o proprietário. Mostre as documentações ao Advogado que você contratar, ele saberá como agir e os documentos necessários para ter sucesso neste processo. 0k

Fonte: Pessoal

Geraldo Majella da Silva

Gilmar Marçal da Rosa
Gilmar Marçal da Rosa respondeu
12 dias

Oi Douglas!
Pelo seu relato, me parece que existia um erro de cobrança, anteriormente?
Então o melhor é contratar um advogado e ir para cima do proprietário.
Um abraço!

MARÇAL - Síndico Profissionalmente - (Porto Alegre - RS)
E-mail: marcal627@gmail.com - Tel.(51) 991098649
Bacharel em Administração de Empresa

Eliasar Pereira Eduardo
Eliasar Pereira Eduardo respondeu
12 dias

Douglas, bom dia. Vá a justiça, é o caminho.

Compliance Sindico Profissional

Irrelevante se o imóvel está locado, emprestado, etc. Vc está cobrando quem? Na vdd quem tem de cobrar é o sindico e não membro de conselho. Então responde ai, vc está cobrando quem, esclarece ta confuso seu post.

Compliance Sindico Profissional
carvavalho32valmir@gmail.com
Atende: grande São Paulo e Interior.

Luiz Leitão da Cunha
Luiz Leitão da Cunha respondeu
12 dias

Agora cabe ajuizar ação de execução de cobrança contra o devedor. Com isso, ele irá pagar, e, se não o fizer, o juiz bloqueará as suas contas bancárias e, se os valores eventualmente penhorados forem insuficientes, o imovel poderá ser leiloado. Observando que o devedor em relação ao condominio é sempre o proprietario.

Luiz Leitão da Cunha | Atuação em São Paulo, nos bairros Jardins, Pinheiros, Bela Vista, Paraíso e Itaim-Bibi.
https://luizleitaosindicoprofissional.wordpress.com
Colunista da revista Direcional Condominios

Fabio Pereira Arruda
Fabio Pereira Arruda respondeu
5 dias

Olá Douglas,
Correio, cartas, telefonemas são cobranças extrajudiciais. Insista muito no extrajudicial, não resolveu, o caminho natural é o judicial. Não demore, adote procedimentos práticos e rápidos, judicialize. Se não fizer isso os inadimplentes ficarão muito à vontade, sem receio e sem "medo". Fazendo isso estará adotando uma coisa que muitos chamam de "Cultura do Pagamento".
Uma outra dica que tem nos ajudado muito por aqui são os serviços das Cortes de Conciliação. Se na sua cidade houver essas Cortes elas são práticas, rápidas, mais acessíveis que a justiça comum, e aqui temos conseguido eficácia com elas. É importante inseri-las na sua Convenção.
Boa sorte!

Fonte: Site da 2CCA de Goiânia: https://www.2ccago.com.br

Fábio Pereira Arruda
fp.arruda@gmail.com

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

111.294 Compradores
347.818 Cotações
2.769 Fornecedores

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...