O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu

Pergunta

WhatsApp
LinkedIn
Altamir Gomes de Araujo

Sou síndico do prédio onde moro. Tenho que estar disponível 24 horas?

Por Altamir Gomes de Araujo
9 anos

Responder esta pergunta

Aviso: O portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo ou mensagens veiculados nesse espaço.


Respostas (2)

Isaias Romano
Isaias Romano respondeu
9 anos

Quando o Sr. foi eleito, deveria ter registrado em ata o(s) dia(s) e horas para atender aos condôminos, ou então, que toda reclamação deverá ser registrada no livro de ocorrências.
Sugiro que o Sr. faça uma carta circular e estabeleça os dias em que o Sr. atenderá aos condôminos.

Jussara Cunha
Jussara Cunha respondeu
9 anos

Altamir,
Nem médido de PS é 24 horas - pessoa humana apaga, sabia? Dorme, tem direito a descanso, etc. Computadores, máquinas funcionam 24h e às vezes dão pau!
Eduque funcionários e moradores para que os problemas e ocorrências cotidianas sejam resolvidas pelos funcionários. TODOS 2 grupos TÊM que conhecer o RI (funcionário é obrigatório. P/ o morador vc entrega por e-mail, se não quiser ler é PROBLEMA DELE!)
Falar c/ síndico - via livro e/ou e-mail. Sempre responda rapidamente - 2 dias úteis é um bom prazo (tirando FDS). Estabeleça uma escala de comunicação: o funcionário alerta/instrui o morador sobre algo. O funcionário deverá registrar no livro de portaria o fato. Caso ainda reste dúvidas ou haja reincidência, o zelador é o 2o. nível: o funcionário informará ao zelador e esse falará c/ o morador. Caso ainda haja dúvida: síndico no PRÓXIMO dia/horário útil.

Fonte: Se for situação de infração, qdo o síndico toma conhecimento JÁ É PARA ADVERTÊNCIA ESCRITA - verbal já ocorreu no 1o e 2o. nível. Meu interfone, em 2 anos, posso contar a quantidade de vezes que tenha tocado. E qdo acontece informo que a historinha tem que ser enviada por e-mail ou no livro de condôminos. Raríssimas vezes se tratava de algo que fosse p/ ser resolvida na hora. Normalmente nessas situações é pq. o funcionário estava em dúvida qto algum procedimento e/ou protocolo. No dia seguinte, o procedimento foi esclarecido ao funcionário e não mais aquela dúvida retorna. Descer a noite? Só por incêndio ou polícia por assalto ao condomínio. Casos pessoais, festas, carro amassado, arranhado - nem pensar: meu olhar não é melhor do que o de qualquer funcionário e, se for culpa do condomínio, pago. Se não for de responsabilidade do condomínio: lamento - a Convenção/RI não me permite pagar. Pode procurar a justiça.

Ranking do Mês

Usuários que mais respondem as perguntas

Pontuação
Entenda como funciona
Ranking geral

Faça suas cotações agora:

111.294 Compradores
347.818 Cotações
2.769 Fornecedores

Aviso importante:

As recomendações contidas nesta seção são realizadas pelos próprios usuários do Portal SíndicoNet, que não revisa nem controla as respostas apresentadas. Desta forma, o Portal SíndicoNet não assume nenhuma responsabilidade, a qualquer título, pela correção ou exatidão das respostas apresentadas, que são de responsabilidade exclusiva de seus autores. Neste sentido, o Portal SíndicoNet não se responsabiliza por nenhum dano, a qualquer título, decorrente da utilização das recomendações contidas nesta seção. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...