O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Série Especialistas

Restrição das áreas de lazer ao morador inadimplente

Tribunais consideram tática como uma forma de constrangimento ilícito

Por Thais Matuzaki
22/10/19 05:55 - Atualizado há 7 meses
WhatsApp
LinkedIn
Tribunais consideram tática como uma forma de constrangimento ilícito

Todo condomínio já passou ou passa por contratempos devido à inadimplência. Há alguns anos, síndicos adotavam medidas bruscas para punir ou forçar o morador inadimplente a pagar os débitos. Entre as estratégias mais aplicadas está a de proibir o uso das áreas de lazer, como piscina ou salão de festas.

Essas táticas contra inadimplência foram parar nos tribunais e agora são consideradas como uma forma de constrangimento ilícito, o que pode acarretar em processo de danos morais ao condomínio.

Abaixo, Maicon Guedes explica o novo entendimento da Justiça nesses casos e apresenta alternativas legais que incentivam o condômino a efetuar o pagamento das taxas condominiais pendentes.

Assista! 

Conteúdos relacionados:

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...