O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Cuidado ao contratar

Zelador de condomínio em SBC é preso por abuso sexual a crianças

Publicado em: quarta-feira, 26 de setembro de 2012

 Preso zelador que abusava de crianças

Rafael Ribeiro 
  
Acessórios sexuais, filmes pornográficos gays e pagamento em dinheiro, entre R$ 10 e R$ 20. Assim era o ambiente criado pelo zelador José Wilson Fernandes, 43 anos, detido por policiais civis do 6º DP (Baeta Neves) de São Bernardo após menina de 12 anos procurar a delegacia para relatar o horror que sofreu em suas mãos por mais de quatro anos.
 
O caso vinha sendo investigado desde o começo do mês. No dia 13, os pais da garota resolveram procurar a polícia depois de ler mensagem no celular dela para uma amiga dizendo estar preocupada com uma possível gravidez.
 
Os abusos começaram quando ela tinha 7 anos, em sua casa na Vila Esperança, mesmo bairro onde Fernandes mora.
 
Depois das relações, ele costumava pagá-la, o que atraía os menores pelo fato de ser moradores da periferia. A menina alegou que, por medo dos pais, não contava nada.
 
A equipe de investigação chegou às outras quatro vítimas. Ao todo, três meninas e dois meninos confirmaram ter sofrido abusos. Alguns casos ocorreram há mais de dez anos.
 
"É o pior tipo de abuso, aquele que não é forçado,mas pago. Ele corrompeu para sempre os valores dessas crianças", disse a delegada Kátia Cristófaro.
Evangélico, Fernandes é casado há cerca de 20 anos e tem quatro filhos. O zelador alegou que apenas passou a mão nos órgãos genitais da menina e negou os outros abusos. Preso temporariamente, foi encaminhado à Cadeia Pública de São Caetano.
 
A polícia terá 30 dias para confirmar as suspeitas de outros casos. Natural de Açucena, interior de Minas Gerais, é apurada a informação de que ele tinha fugido da cidade justamente por ter sido flagrado quando abusava de um menor. Seu computador e outros bens particulares estão em poder da investigação.

Fonte: http://www.dgabc.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...