O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Furtos em Porto Alegre

Imagens mostram homem bem vestido invadindo condomínios

Publicado em: quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Vídeos mostram assaltos de homem a condomínios em Porto Alegre

 
A Polícia Civil procura em Porto Alegre um homem que invade e assalta condomínios e apartamentos na capital gaúcha. Desde 2014 há informações sobre o mesmo suspeito, que se veste bem, geralmente está sozinho e age discretamente. Imagens de câmeras de segurança mostram o assaltante entrando nos prédios e invadindo as residências.
 
Geralmente bem vestido, o homem age sozinho e é discreto. No último um ano e meio, ele é suspeito de ter feito a limpa em vários condomínios de Porto Alegre.
 
Em uma das imagens, datada da tarde de 11 de setembro, ele aproveita que o portão está apenas encostado e entra no condomínio no bairro Rio Branco, na Região Central da capital. Depois, vai até porta que dá acesso ao prédio. Não dá pra ver o que ele usa pra abri-la. Ele então sobe as escadas, e 10 minutos depois, vai embora. Ele saiu pelo mesmo portão que entrou e levou todas as joias de uma família.
 
“Meus pais chegaram em casa, estavam os dois quartos revirados. Levaram todas as joias, e a gente acredita que ele estava nos vigiando”, diz uma mulher que prefere não se identificar.
 
Indignada, ela contou a história na internet e publicou a foto do ladrão. Não demorou para que ela começasse a receber o contato de moradores de outros condomínios que também foram roubados pelo mesmo homem.
 
Aos poucos, outras imagens do suspeito foram aparecendo e uma rede se formou para tentar achar o bandido.
 
“Teve de 5 a 10 pessoas, de outros bairros, que me procuraram.  Ele está sempre com uma pasta preta lateral e de óculos escuros. Bem vestido”, relata ela.
 
Cerca de um mês antes deste caso, o ladrão entrou em um condomínio no bairro Santo Antônio, na Zona Leste da cidade. As imagens mostram que ele analisa o local, confere se não tem ninguém por perto até puxar da bolsa uma chave de fenda pra arrombar a fechadura.
 
Em seguida, vai até a entrada do prédio e faz a mesma coisa: disfarça e arromba a porta. A câmera de vigilância interna mostra bem o rosto do criminoso. 
Também é possível ver a chave de fenda usada para arrombar a fechadura.
 
O bandido entra, fica alguns minutos e sai. Vai até o outro bloco e pede a um morador para levá-lo ao apartamento da zeladora. Para ela, ele se identifica como policial federal, mas a funcionária desconfia e pede pra ele sair. O síndico do condomínio, Felipe Guimarães, diz que não recebeu reclamações de furto, mas desde que o caso aconteceu, optou por adotar várias medidas de segurança.
 
“Grades e uma barra de ferro para proteger, para evitar que seja invadido da mesma forma que foi invadido anteriormente”, afirma.
 
O portão de entrada foi reforçado com uma tela e uma barra pra proteger a fechadura.
 
Uma das principais orientações de segurança pra quem mora em condomínios é prestar muita atenção na hora da chegada e da saída. Olhar para os lados, observar se há alguma atitude suspeita e só então entrar no edifício. Outra medida importante é cuidar na hora de entrar e sair com o carro. O controle deve ser acionado antes de chegar no portão, para evitar ficar parado na rua.
 
Todos os casos da reportagem foram comunicados à Policia Civil. O delegado responsável diz que os ataques acontecem no meio da tarde, quando muita gente não está em casa. Ele espera que a divulgação das imagens ajude a localizar o suspeito.
 
“Eu posso dizer, com certeza, que o delinquente comete qualquer delito que seja menos perigoso e que ele tenha recompensa”, explica o delegado Abílio Pereira.
 
Denúncias podem ser feitas tanto para o telefone geral da Polícia Civil, o 190, ou para a 10ª Delegacia de Porto Alegre, no número (51) 3333.2659.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...