O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Violência e condomínio

Residencial popular sofre com entorno violento, no Rio

Publicado em: sexta-feira, 31 de julho de 2015

Polícia faz operação em favela ao lado de condomínio do 'Minha Casa, Minha Vida'

Segundo a PM, um homem morreu após ser baleado durante a operação na comunidade Gogó da Ema, em Guadalupe
 
Um homem morreu após ser baleado durante operação realizada pelo 41º BPM (Irajá) na favela Gogó da Ema, em Guadalupe, Zona Norte do Rio, nesta quarta-feira. Segundo informações, Moisés Monteiro Silva fazia parte do grupo que tem invadido o conjunto habitacional do programa "Minha Casa, Minha Vida" naquele bairro. As ações na comunidade, que é vizinha ao condomínio, ocorrem desde segunda-feira.
 
Suspeito de integrar o tráfico de drogas local, Moisés chegou a ser socorrido pelos policiais militares. Ele foi levado ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas já chegou morto à unidade. De acordo com os militares, com ele, foram apreendidos um revólver calibre .38, uma pistola 9mm, 80 papelotes de cocaína e um rádio transmissor. A ação na comunidade começou no início desta manhã. Quando chegavam ao local, os agentes foram recebidos a tiros numa localidade conhecida como São Severino.
 
De acordo com a 39ª DP (Pavuna), onde o caso foi registrado, apurar as circunstâncias da morte de Moisés estão sendo investigadas. As armas dos policiais envolvidos na ação foram apreendidas para perícia. Agentes buscam imagens de câmeras de segurança que possam ajudar no caso.
 
Nesta terça-feira, um adolescente de 15 anos foi apreendido pelos policiais do 41º BPM (Irajá) durante operação dentro do Residencial Guadalupe, condomínio do programa "Minha Casa, Minha Vida". Com ele, os PMs encontraram 138 pinos de cocaína.

Fonte: http://odia.ig.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...