O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Apropriação indébita

Síndica usou dinheiro do condomínio em benefício próprio

Publicado em: quarta-feira, 13 de julho de 2016

Condomínio pagou botox de síndica

Uma representação criminal contra uma síndica de um edifício no bairro Mar Grosso, em Laguna, que teria desviado R$ 50 mil de recursos do condomínio para o pagamento de despesas pessoais, como salão de beleza, lojas de roupas e até tratamento botox, foi encaminhada à justiça pela Polícia Civil.

A denúncia foi apurada pelo delegado Flávio Costa Gorla e teria partido dos próprios moradores que desconfiaram do comportamento da mulher, pois ela não publicou os dados contábeis no prédio nos últimos meses, bem como suspendeu as reuniões com os moradores. 

“Ouvimos alguns condôminos, juntamos os balancetes do contador e ficou comprovado o crime de apropriação indébita qualificada”, relata Flávio, que concluiu a investigação nesta sexta-feira. 

Assim que iniciaram as investigações, os moradores do condomínio destituíram a síndica. A mulher de 47 anos responderá em liberdade.

Segundo o delegado, a mulher alegou problemas financeiros para justificar o uso do dinheiro do condomínio, mas diante dos extratos, não soube dar mais explicações. “Fica de alerta para os condomínios da região. Os moradores devem sempre observar o detalhamento  dos relatórios e desconfiar”, orientou.

Fonte: http://www.notisul.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...