O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Áreas comuns

Corpo de Bombeiros sugere deixar áreas comuns livre de objetos

Publicado em: terça-feira, 19 de junho de 2012

 Prédios de SP impõem regras sobre uso de áreas comuns

Em um prédio na Zona Leste de SP, é proibido colocar objetos nos corredores.
 

 

Plantas penduradas em sacadas, vasos com flores decorando o hall, bicicletas largadas na escada ou até mesmo no estacionamento. Tudo isso pode parecer normal, mas são situações que, em alguns condomínios, causam discordâncias entre moradores e podem afetar a convivência no prédio. Isso porque esses locais são considerados áreas comuns. O quadro "Meu condomínio tem solução" desta quarta-feira (21) mostra a diferença entre área comum e privada.
 
 
Em um condomínio na Penha, Zona Leste de São Paulo, nenhum morador pode colocar objetos nos corredores. Nada de vasos, móveis, nem enfeites. A síndica Alcione Julião descobriu que o mais seguro é deixar os corredores livres.
 
“Nós tínhamos a área toda obstruída com plantas, vasos, varais. Isso me preocupou. Foi quando eu procurei o Corpo de Bombeiros para um auxílio”, conta Alcione.
 
Na assembleia feita em agosto, a síndica conseguiu convencer a maioria dos moradores e, em menos de um mês, os corredores do edifício mudaram de cara. “O ambiente ficou mais limpo”, diz a dona de casa Sônia Maria Gonçalves Melo da Silva.
 
No jardim de um condomínio na Vila Formosa, também na Zona Leste, moradores jogam bitucas de cigarro, causando incômodo e mau cheiro. Também existe moto fora da vaga, bicicleta jogada e até carro que uma ex-inquilina abandonou no estacionamento. “Eu ligo para ela várias vezes para tirar o carro. Eu gostaria muito de colocá-lo na rua, mas não posso”, explica a síndica Elisangela Neife.
 

Fonte: http://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...