O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Danos morais, Calúnia e Difamação

Arrombo de portões

Novo presidente do BNDES condenado a indenizar condomínio

quarta-feira, 19 de junho de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Novo presidente do BNDES tem condenação por arrombar portões de condomínio em SP

Na madrugada de 4 de outubro de 2015, executivo queria dar sequência à sua festa de aniversário, com mais de 30 convidados, que havia sido iniciada em outro local

Mal assumiu a presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano, de 38 anos, teve de se explicar sobre um problema que teve na Justiça. Ele foi condenado a pagar indenização por danos materiais e morais a um condomínio, onde residiu em São Paulo.

Montezano, amigo dos filhos de Jair Bolsonaro, arrombou dois portões do edifício no meio de uma madrugada, em outubro de 2015, segundo consta em decisões judiciais de primeira e segunda instâncias. A razão: queria dar sequência à sua festa de aniversário, com mais de 30 convidados, que havia sido iniciada em outro local.

De acordo com o juiz Guilherme Ferreira da Cruz, as imagens de câmeras de segurança do local mostraram cenas “similares às de um arrastão” e revelaram um “comportamento incivil”.

Para se livrar do processo, Montezano fez um acordo, no qual ficou previsto o pagamento de R$ 28 mil, valor referente a um mês de aluguel do apartamento onde vivia com um amigo, no Itaim Bibi.

O caso

Conforme queixa-crime do condomínio, na madrugada de 4 de outubro de 2015, os portões foram arrombados depois de discussão de Montezano com o porteiro e o zelador do prédio.

Consta na ata da assembleia do edifício que era a terceira festa realizada feita por Montezano em apenas 80 dias como morador do local.

 

Fonte: www.revistaforum.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...