O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Segurança

Capachos x COVID-19

É necessário retirar para se proteger?

sábado, 4 de abril de 2020
WhatsApp
LinkedIn

Coronavírus: é necessário retirar capachos e tapetes para se proteger?

Talvez você já tenha recebido uma mensagem no WhatsApp que recomenda a retirada de todos os capachos das entradas das casas ou apartamentos por serem verdadeiros "criadouros de vírus". Em seguida, o texto recomenda que, para se protegerem do coronavírus, as pessoas substituam o objeto por um pano com água sanitária.

De acordo com a infectologista Raquel Muarrek, da Rede D'Or, capachos, tapetes e até carpetes são difíceis de limpar, e por isso, se possível, devem ser retirados.

"Estudos já mostraram que o vírus sobrevive por bastante tempo em superfícies rugosas. Recomendamos que você tire tudo o que não consegue limpar adequadamente", explica.

Além de evitar os objetos, Susanne Edinger, infectologista pelo CHC-UFPR (Complexo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná) e médica da Cia. da Consulta, aponta que os sapatos de quem veio da rua devem ser retirados antes de entrar em casa. "Se há a necessidade de limpar os pés, o melhor é mesmo colocar um pano úmido, já que o tapete é sempre muito sujo —não só em tempos de pandemia", afirma.

Quanto tempo o coronavírus sobrevive em superfícies?

Um estudo publicado no periódico medRxiv revelou que o vírus pode ser detectados no ar por até 3 horas, até 4 horas em cobre, até 24 horas em papelão e até dois a três dias em plástico e aço inoxidável.

Outra pesquisa, publicada no periódico Journal of Hospital Infection no dia 6 de fevereiro, mostrou que um coronavírus relacionado ao que causa Sars pode persistir até nove dias em superfícies não porosas, como aço inoxidável ou plástico.

Quais produtos de limpeza matam o vírus?

Há desinfetantes específicos para a limpeza de carpetes e tapetes. Mas, como aponta Muarrek, as superfícies são difíceis de limpar e o melhor é tirar os objetos de circulação. Para o resto da casa, as seguintes opções são seguras para matar o vírus:

  • Água sanitária
  • Desinfetantes em geral
  • Limpadores multiuso com cloro
  • Limpadores multiuso com álcool
  • Álcool de limpeza (líquido, com concentração entre 60% e 80%)
  • Detergente
  • Sabão
 

Fonte: https://www.uol.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...