O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Jurídico

Comercialização de garagem

Vagas negociadas antes da lei são válidas até final do contrato

Publicado em: quarta-feira, 2 de maio de 2012

Da proibição de venda e aluguel de vagas de garagens a pessoas estranhas ao condomínio.  

No início de abril foi publicada a lei 12.607/12, que altera o dispositivo do Código Civil aplicável às relações entre condôminos. Sua entrada em vigor acontece em 45 dias a contar da publicação. Tratou a referida lei de estabelecer proibição à venda ou aluguel de vagas de garagens a pessoas estranhas ao condomínio, salvo autorização expressa na convenção condominial. Ou seja, a partir da entrada em vigor da lei, contratos de compra e venda ou aluguel de vagas de garagens a pessoas estranhas ao condomínio somente terão validade se amparados em autorização expressa neste sentido na Convenção de Condomínio.  No que diz respeito aos contratos hoje existentes, firmados anteriormente à entrada em vigor da lei, registre-se que são válidos até seu termo final, tendo em vista que no momento de sua celebração inexistia a proibição legal. Aplica-se a tal situação, dispositivo do ordenamento jurídico que protege o que se chama tecnicamente de ato jurídico perfeito. O ato jurídico perfeito no caso em análise seria o contrato válido e com objeto lícito firmado entre as partes em momento anterior à entrada em vigor da lei ora comentada.  Considerando-se que são recorrentes as operações de venda e locação de vagas de garagens em áreas com déficit de espaço para estacionamento de veículos, fica o alerta para a necessidade de alteração da convenção do condomínio com adequação à nova legislação, sob pena de impossibilidade da celebração de contratos com esta natureza.  Ana Carolina A. Ribeiro é advogada da equipe de Direito Imobiliário do Marins Bertoldi Advogados Associados de curitiba.

Fonte: www.segs.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...