O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Área Aabic

Curso AABIC

Segurança em condomínios contra assalta e invasões

sexta-feira, 8 de novembro de 2019
WhatsApp
LinkedIn

AABIC ensina funcionário a combater assaltos e invasões em condomínios

Curso ‘Segurança em condomínios residenciais e comerciais’ será ministrado na próxima semana, em São Paulo, para síndicos, gerentes, zeladores e porteiros

Casos de furtos e roubos em casas e condomínios ultrapassam 12 mil por ano no estado de São Paulo

A AABIC (Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo), maior entidade representativa do segmento no Estado, realizará nesta segunda (11) e terça-feira (12) o curso ‘Segurança em condomínios residenciais e comerciais’. O treinamento presencial, com duração de oito horas, é destinado a síndicos, gerentes, zeladores, porteiros, garagistas, recepcionistas e vigias. Durante os dois dias de curso, os profissionais receberão orientações e participarão de debates para ficarem mais preparados para resolver situações de violência em condomínio, como assaltos, arrastões e sequestros. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo telefone (11) 3059-3372 ou pelo e-mail treinamentos@aabic.org.br.

Dados da Secretaria da Segurança Pública, obtidos via Lei de Acesso à Informação, apontam que os casos de furtos e roubos em casas e condomínios chegam a mais de 12 mil por ano no estado de São Paulo. Em 2018, foram registrados 12.369 casos no Estado. Do total, 4.729 ocorreram na capital paulista. "Quando acontece uma situação de violência, o funcionário do condomínio tem responsabilidade cível e criminal. Por isso, o profissional precisa estar seguro e preparado para saber como agir nessas situações", explica Waldir de Oliveira Samora, especialista em Ciências Jurídicas, pós-graduado em Segurança Pública e responsável pelo curso da AABIC.

De acordo com Samora, as quadrilhas especializadas em praticar assaltos em condomínios estão cada vez mais estruturadas. Os criminosos enganam e rendem os funcionários para conseguir entrar no empreendimento, se passam por corretores de imóveis e prestadores de serviços e até usam nomes falsos para alugar apartamentos. Eles estudam e monitoram o dia a dia dos moradores antes de praticar o crime. "A cidade de São Paulo tem mais de 25 mil empreendimentos, mas somente 17% dos condomínios têm funcionários treinados para lidar com situações de segurança", alerta o especialista.

Recentemente, um condomínio de luxo, localizado na capital paulista, foi alvo de arrastão praticado por cerca de 15 criminosos, que invadiram o local após renderem o porteiro e outros funcionários. "Eles acionaram um equipamento que bloqueou o sinal de celular. Quem estava no empreendimento ficou sem comunicação", alerta Samora.

O especialista explica que, em situações de emergências, os funcionários precisam agir com cautela e segurança. "Tem que manter a calma e tomar algumas medidas de segurança primordiais, como acionar o botão de pânico, avisar os funcionários e zeladores sobre o ocorrido e ligar para o 190. São procedimentos padrões que podem evitar danos maiores às pessoas envolvidas", ensina Samora.

O curso da AABIC

Durante o treinamento da AABIC, os participantes vão aprender noções de medidas antissequestro, terão acesso a informações que mostram o modus operandi dos criminosos, serão orientados a preencher de forma correta o relatório de controle de acesso de pedestres e veículos, além de noções de técnicas de observação e descrição de pessoas. "Mais de 80% dos crimes nos condomínios são praticados por pessoas que entram pela portaria", alerta Samora, que já formou mais de 18 mil funcionários prediais em 10 anos de carreira ministrando cursos na área de segurança condominial.

Um dos diferenciais do curso é o módulo sobre a psicologia da segurança na portaria. Nessa parte, o instrutor provoca os participantes a abandonar alguns hábitos antigos para se tornarem mais proativos, realistas e atentos. O especialista também chama a atenção para a questão da implementação de sistemas de segurança eletrônicos. Para Samora, a morosidade para adotar medidas que podem combater casos de criminalidade vira um facilitador para a prática de furtos e roubos. "São mais de 250 empreendimentos inaugurados todo ano na cidade de São Paulo, que levam, em média, três anos para ficarem totalmente preparados com equipamentos de segurança e funcionários devidamente treinados", relata.

Os alunos que acompanharem todos os módulos receberão um certificado da AABIC ao final do curso.

Inscrições: Pelo telefone (11) 3059-3372 ou pelo e-mail treinamentos@aabic.org.br.

Dia e horário: segunda-feira (11) e terça-feira (12), das 14h às 18h

Local: Sede da AABIC - Rua Estados Unidos, 89 - Jardim Paulista

Fonte: Assessoria de Imprensa AABIC.

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...