O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Má conservação

Condomínio em SP foi interditado devido à falta de segurança da edificação

Publicado em: quarta-feira, 24 de junho de 2015

Moradores terão que deixar prédio com rachaduras na Zona Sul de SP

Justiça considerou inseguro imóvel entregue por Secretaria da Habitação. Prefeitura contratou empresa para fazer estudo sobre prédio.
 
Os moradores do Condomínio Guarapiranga, no Jardim Santa Efigênia, na Zona Sul, terão que deixar o edifício até quinta-feira (18). Três meses após a interdição feita pela Defesa Civil, a Justiça considerou que imóvel entregue pela Secretaria Municipal da Habitação do Município não é seguro.
 
A Prefeitura afirmou, em nota, que trabalha para cumprir a determinação judicial e que a OAS Construtora Limitada foi contratada mediante licitação. A empresa disse que participou apenas da etapa final da construção do condomínio e que seguiu as especificações previstas em contrato.
 
“A cada dia vai piorando mais e mais, à noite dos estalos são frequentes. Confesso que estou desnorteado”, afirmou o porteiro Alexandre da Silva, que mora do prédio.
As rachaduras atravessam as paredes dos três andares, como mostrou o Bom Dia São Paulo. Até buracos apareceram nas paredes.    
 
O grupo de 40 famílias foi retirado de uma ocupação irregular há nove anos. As casas foram desapropriadas e grupo foi, posteriormente, encaminhado para o condomínio. As famílias pagam a casa própria em 1000 prestações e, apesar do estado do prédio, as cobranças não foram suspensas, de acordo com os moradores.
 
A Prefeitura informou que vai pagar R$ 1,2 mil a partir de julho, mas até lá os moradores terão que improvisar. A última alternativa é seguir para um abrigo, mas ainda não se sabe como irão lidar com idosos e pessoas com necessidades especiais.
 
A administração municipal contratou uma outra empresa para fazer os laudos técnicos pra avaliar as condições do condomínio. Os laudos devem ficar prontos até o fim de junho. Só depois da conclusão dos estudos é que a Prefeitura vai determinar quais providências devem ser tomadas.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...