O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Perguntas e respostas

Especialista responde algumas dúvidas condominiais

sexta-feira, 5 de abril de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Por Kelsor Fernandes* 

Para que serve o Fundo de Reserva do condomínio? Quais são os procedimentos para implementá-lo?

O fundo de reserva tem por finalidade garantir o pagamento de despesas emergenciais ordinárias ou extraordinárias, não previstas no orçamento anual. Normalmente é previsto na Convenção, como também seu percentual de arrecadação, formas de uso pelo sindico etc.

Muitos moradores de condomínio costumam procurar os síndicos fora do expediente comercial. De noite madrugada ou de manhã cedo. Como estabelecer este horário e comunicar aos moradores?

Com exceção dos assuntos emergenciais em que seja necessária a sua presença, o síndico deve providenciar um livro para registro de queixas e observações e deixá-lo à disposição dos condôminos na portaria do prédio, afinal o síndico, salvo raríssimas exceções, tem outros afazeres.

Ao encerrar um contrato de aluguel imobiliário, que medidas devem ser tomadas pelo proprietário para garantir o recebimento do imóvel nas mesmas condições de quando foi entregue?

A melhor garantia é fazer um laudo de vistoria quando do início do contrato, assim não restarão dúvidas na hora do recebimento ao fim ou rescisão antecipada do mesmo.

O proprietário de um imóvel pode realizar as obras de reparo no apartamento, sem conhecimento do inquilino e antes da assinatura do distrato?

Claro que não. Sem autorização e principalmente sem o distrato, a posse é do locatário e o proprietário não tem o direito de fazer absolutamente nada dentro dele, sob pena de infração contratual grave.

O síndico pode usar o dinheiro do condomínio para fazer empréstimos ou para suas despesas pessoais?

De jeito nenhum. Este procedimento é apropriação indébita, passível das penalidades previstas em lei. Os valores arrecadados dos condôminos têm destinação específica e jamais devem ser usados para fim diverso.

(*) Kelsor Fernandes é presidente do Secovi-BA.

Fonte: www.correio24horas.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...