O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Dicas de convivência

Como proteger o condomínio dos perigos da folia de Carnaval

Festas, blocos, aglomerações, glitter, bebida e música alta...é espírito do Carnaval de rua que pode se estender para dentro do condomínio. Síndicos devem se preparar e moradores, contribuir para a segurança e o bem-estar da comunidade

10/02/23 01:04 - Atualizado há 70 dias
WhatsApp
LinkedIn
Dois rapazes e duas mulheres curtem carnaval de rua usando guarda-chuva de frevo e confete
Carnaval é uma das épocas mais aguardadas pelos brasileiros. Nos condomínios, a folia deve ser consciente
iStock

O Carnaval é uma das datas comemorativas mais aguardadas pelos brasileiros. São quatro dias em que muitas pessoas só querem saber de festas, aglomerações, glitter, bebida alcoólica e música alta. Essa folia que começa fora dos portões com os tradicionais blocos de rua já é um prato cheio para descabelar muitos síndicos e moradores de condomínio.

Como se não bastasse, outra coisa que tira o condomínio da normalidade nessa época se deve aos moradores foliões, que costumam estender o "bloquinho" para o salão de festas, áreas de lazer ou mesmo dentro de suas unidades.

Em muitos casos, o divertimento acaba incomodando vizinhos, seja pelas festas barulhentas ou mesmo pelo consumo desenfreado de bebidas alcoólicas nas áreas comuns. Os atritos de convivência se tornam iminentes.

Há também a preocupação com a segurança e a limpeza, que sempre acabam sendo comprometidas com tanta gente circulando dentro e fora do condomínio.

Por esse conjunto de dificuldades, o SíndicoNet produziu essa matéria com orientações para o síndico proteger o condomínio durante o Carnaval, além de relembrar os moradores de que é possível aproveitar a festa dentro da sua casa de maneira consciente. Confira abaixo!

Problemas que o Carnaval pode trazer aos condomínios

Confira abaixo os 5 principais problemas que a folia das ruas pode trazer para os condomínios: 

1) Segurança

  • Aglomeração ao redor do prédio, atrapalhando o controle de acesso;
  • Aumento no fluxo de pessoas dentro dos condomínios, tais como visitantes e crianças;
  • Possível aumento de delivery;
  • Criminosos fantasiados;
  • Muitos moradores em viagem, deixando o apartamento vazio e mais vulnerável.

2) Sujeira

  • Lixo acumulado em calçadas e jardins;
  • Cheiro de urina em frente ao prédio;
  • Glitter, confetes e serpentinas espalhados pelos corredores.

Outros 3 problemas:

  • Barulho de encontros/festas nas áreas comuns e unidades, bem como da rua;
  • Uso exagerado de bebidas alcoólicas pode esquentar os ânimos e gerar confusões;
  • Vandalismo.

O que o síndico deve fazer para o condomínio não ter problemas no Carnaval

  • Relembrar os porteiros sobre as principais regras de segurança, tais como as que constam nesse cartaz;
  • Reforçar as regras do regimento interno com os moradores em relação a:
  • Acessar o site da sua cidade e verificar se existe alguma programação para o Carnaval;
  • Caso o condomínio esteja na rota, compartilhar com os moradores os horários dos blocos de rua para que eles possam se preparar;
  • Analisar a necessidade de contratar vigilantes temporários. Em condomínios em cidades de veraneio ou que recebem locações de temporada, esse reforço faz a diferença;
  • Limpeza: orientar faxineiros para redobrarem a limpeza, especialmente da calçada;
  • Manutenção: checar com o zelador se todos os equipamentos de segurança e das áreas comuns estão funcionando normalmente, evitando falhas e/ou acidentes; 
  • Proteção do patrimônio: usar tapumes para proteger a fachada, sobretudo, se ela for de vidro, ou ainda, colocar gradis no entorno do condomínio, cercando portões, árvores, jardins e canteiros;

Dica: festa organizada pelo condomínio promove a boa convivência

Organizar uma festa de Carnaval no próprio condomínio estreita laços entre vizinhos e pode ser um recurso valioso para melhorar a convivência

Se quiser saber mais vantagens dos eventos e como planejá-los no seu condomínio, temos um conteúdo completo sobre o tema que você pode ler aqui.

O que fazer em caso de problemas e prejuízos decorrentes do Carnaval de rua?

Em decisão de setembro de 2022, o TJ-SP acolheu um pedido de um condomínio corporativo que teve o jardim destruído após centenas de foliões invadirem o local. 

Na ocasião, a Prefeitura de São Paulo e os organizadores do bloquinho de Carnaval foram condenados a ressarcir o edifício em quase R$ 86 mil pelos danos causados. 

Dessa forma, o processo judicial é a alternativa para o síndico caso o condomínio tenha o patrimônio danificado durante as folias de Carnaval.

Já para ocorrências em curso, como barulhos e algazarras em frente ao prédio, podem ser feitas denúncias de perturbação ao sossego junto aos órgãos competentes do seu município. 

Se o infrator é morador ou visitante, cabem advertência e multas por descumprimento das normas internas do condomínio. 

Como os moradores podem contribuir para uma folia organizada e segura 

Lembre-se: qualquer desrespeito às regras, seja por parte dos moradores ou até mesmo de um visitante, a unidade responsável está passível de advertência e multa.

Outros exemplos de Carnaval que não devem se repetir e servem de alerta

Downloads gratuitos sobre Carnaval e condomínios

Agora que você já sabe tudo sobre como proteger o condomínio durante o Carnaval, promover a segurança e a boa convivência entre os vizinhos, conheça os nossos materiais gratuitos e faça campanhas de conscientização na sua comunidade. É só baixar e divulgar nos murais, e-mail ou grupos de whatsapp:

Conteúdo SíndicoNet; Rodrigo Karpat (advogado) e José Elias de Godoy (especialista em segurança).

Web Stories

Ver mais

Newsletter

Captcha obrigatório

Confirmar e-mail

Uma mensagem de confirmação foi enviada para seu e-mail cadastrado. Acesse sua conta de email e clique no botão para validar o acesso.

Esta é uma medida para termos certeza que ninguém está utilizando seu endereço de email sem o seu conhecimento.
Ao informar os seus dados, você confirma que está de acordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso do Síndico.
Aviso importante:

O portal SíndicoNet é apenas uma plataforma de aproximação, e não oferece quaisquer garantias, implícitas ou explicitas, sobre os produtos e serviços disponibilizados nesta seção. Assim, o portal SíndicoNet não se responsabiliza, a qualquer título, pelos serviços ou produtos comercializados pelos fornecedores listados nesta seção, sendo sua contratação por conta e risco do usuário, que fica ciente que todos os eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da contratação/aquisição dos serviços e produtos listados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do fornecedor contratado, sem qualquer solidariedade ou subsidiariedade do Portal SíndicoNet.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Não encontrei o que procurava Quero anunciar no SíndicoNet