O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Sem tratamento

Síndico é preso no RJ por despejar esgoto na lagoa de Marapendi

Publicado em: segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Síndico de condomínio é detido por despejo de esgoto em lagoa do Rio

AlfaBarra II despejava esgoto sem tratamento na Lagoa de Marapendi.Prisão é resultado de blitz ecológica realizada pela Secretaria do Ambiente.
 
Após uma blitz ecológica ao longo da Lagoa de Marapendi, na Barra da Tijuca, Zona Oeste, o síndico e um funcionário do condomínio AlfaBarra II foram detidos por despejo irregular de esgoto na lagoa, nesta terça-feira (11). Segundo policiais da Delegacia de Repressão aos crimes ambientais (DPMA), o administrador e o responsável pelo tratamento do esgoto passaram a tarde prestando esclarecimentos na delegacia e serão liberados no fim do dia.
 
Ainda segundo a delegacia, o crime foi constatado após uma vistoria nos condomínios AlfaBarra I, II e III e a verificação de que o segundo condomínio despejava esgoto na lagoa sem qualquer tipo de tratamento. 
 
A operação foi feita pela Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca), da Secretaria de Estado do Ambiente (SEA), para reprimir diversos crimes ambientais, como construções irregulares, retirada de vegetação de manguezal e despejo de esgoto in natura no canal por condomínios e estabelecimentos comerciais na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...