O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Manutenção

Acidente em condomínio

Elevador despenca e quatro pessoas morrem, em Santos, SP

terça-feira, 31 de dezembro de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Elevador despenca do nono andar e mata quatro pessoas em Santos

Queda ocorreu às 19h30 em um prédio localizado na Rua Guararapes, na Vila Belmiro

Um elevador desabou do nono andar de um prédio localizado no bairro da Vila Belmiro, em Santos, na noite desta segunda-feira (30). Segundo informações oficiais do Corpo de Bombeiros, quatro pessoas da mesma família morreram. As vítimas são a esposa e familiares de um militar da Marinha que trabalho no Porto de Santos. As causas da queda estão sendo apuradas pelas autoridades.

A Tribuna On-line apurou que a queda do equipamento ocorreu em um edifício localizado na Rua Guararapes. O edifício, cosntruído em 1998, serve como residência para militares que atuam na Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), no Porto de Santos. Segundo a Marinha, o elevador despencou às 19h30.

Em nota, a Capitania informou que uma das vítimas é a esposa e mais três familiares de um militar que serve na CPSP. A Marinha lamentou o ocorrido e afirmou estar dando todo o suporte às famílias.

Segundo testemunhas, havia pelo menos quatro pessoas dentro do elevador. O Corpo de Bombeiros afirmou que todas morreram. Segundo informações da Defesa Civil de Santos, o elevador que despencou era o de serviço. Ele estava no último andar, o nono, quando despencou até o térreo com ocupantes dentro.

Além de viaturas dos bombeiros, equipes da Polícia Militar e da Defesa Civil do município foram acionados para o local.

Os corpos das vítimas ainda não foram retirados do prédio, uma vez que a área foi isolada para trabalhos da perícia e da Polícia Científica. A Polícia Civil também foi acionada para o local. Além disso, por se tratar de um edifício sob responsabilidade da Marinha do Brasil, militares também foram deslocados.

Em nota, a Prefeitura de Santos lamentou o ocorrido com o edifício Tiffany, que resultou na morte de quatro pessoas da mesma família.

A administração afirmou que, além da Defesa Civil, um engenheiro da Secretaria de Infraestrutura e Edificações também foi ao local, acompanhado da equipe técnica da empresa que presta serviços de manutenção dos elevadores do prédio.

Confira na íntegra a nota do Marinha do Brasil

A Marinha do Brasil, por intermédio da Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), informa com pesar a ocorrência de acidente com o elevador do Edifício Tiffany, Próprio Nacional Residencial de militares na cidade de Santos, que lamentavelmente vitimou a esposa e mais três familiares de um militar que serve na CPSP.

O Capitão dos Portos de São Paulo e a Tripulação da Capitania transmitem as condolências aos familiares e amigos pela inestimável perda.

A Marinha está dando todo o suporte possível às famílias.

O respectivo Inquérito Policial Militar será aberto para apurar o ocorrido.

Fonte: https://www.atribuna.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...