O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Assassinatos em condomínio

Trio arromba apartamento e mata irmãos

quinta-feira, 13 de junho de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Encapuzados invadem apartamento e matam irmãos na Grande BH

Alvo dos criminosos era um jovem de 19 anos, que foi baleado e morreu. A irmã dele, de 14 anos, tentou protegê-lo e também acabou assassinada. Mãe presenciou os crimes

Um duplo assassinato brutal chocou moradores de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Dois irmãos foram mortos dentro de um apartamento no Bairro Palmital. O alvo dos criminosos, que entraram no local encapuzados, era Edmar Marcos dos Santos, de 19 anos. Ele foi o primeiro a ser morto. A irmã dele, Izabela Inair dos Santos, de 14, saiu do quarto na intenção de protegê-lo, mas também foi baleada e não resistiu aos ferimentos. A mãe das vítimas se escondeu embaixo de uma cama e presenciou os crimes. Os atiradores fugiram e ainda não foram encontrados. 

O crime aconteceu por volta 6h. De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), moradores de um condomínio de prédios acionaram o 190 denunciando disparos de arma de fogo vindo de um dos apartamentos do bloco 14. Os militares chegaram no local e já encontraram os dois irmãos caídos no chão e sem vida. 

A mãe deles contou que estava dormindo quando ouviu um forte barulho. Neste momento, três pessoas encapuzadas entraram no apartamento, depois de arrombar a porta, dizendo serem policiais. Em seguida, foram até Edmar e deram vários tiros nele. A vítima caiu no chão. 

A mulher conta que se escondeu debaixo da cama e gritou para a filha fazer o mesmo. Porém, segundo ela, a garota respondeu que não, pois era seu irmão quem estava sendo baleado. Em seguida, abriu a porta para tentar ajudá-lo e acabou sendo atingida por disparos. Ela também não resistiu aos ferimentos. 

Os três criminosos fugiram do local em direção ao Bairro Vila José Fagundes. A perícia constatou que eles utilizaram uma arma calibre 9 milímetros, de uso exclusivo das forças armadas. 

Motivação ainda é mistério

As investigações da Polícia Civil vão tentar esclarecer quais foram as motivações para o assassinato. No boletim de ocorrência, a mãe das vítimas contou que Edmar recebeu mensagens suspeitas no celular que poderiam levar aos criminosos. O conteúdo não foi divulgado por ela. A mulher disse, ainda, que o filho já cumpriu medidas socioeducativas, quando era adolescente, por crime análogo ao tráfico de drogas. Os celulares das vítimas foram apreendidos para perícia.

Fonte: www.em.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...