O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Bala perdida

Moradores de condomínio em Americana (SP) vivem com medo

Publicado em: quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Condomínio de Americana vira alvo de 'balas perdidas' de clube de tiros

Dono de pesqueiro afirma que cliente foi atingida de raspão. Morador fez 7 boletins de ocorrência e aguarda providências.  Um condomínio está sendo alvo de balas disparadas de dentro do clube de caça e tiro em Americana (SP). Em um pesqueiro, uma visitante foi atingida de raspão e o movimento caiu 70%. Os moradores do bairro contam que já fizeram vários boletins de ocorrência, mas até agora nenhuma providência foi tomada.

As marcas de tiros estão espalhadas pela entrada, no corredor, na mesa da varanda e na garagem da casa da comerciante Vilma Feltrim, no bairro de chácaras Iate Clube Americana. Por isso, ela afirma que tem medo quando a família está na residência  “Eu tenho medo de deixar meu filho e meu marido trabalharem aqui. Isso é um absurdo, porque uma hora, uma bala dessa vai matar alguém", desabafa.

O marido dela, Demetri Feltrim, afirma que encontrou várias balas no quintal da casa. Ele trabalha na residência com fabricação de lanchas e conta que teve duas embarcações danificadas pelos tiros. “Varou uma lancha e caiu dentro da outra”, destaca.

Os moradores do bairro contam que as balas são disparadas de um clube de tiro e caça fundado há muitos anos na região. No entanto, antes o incômodo era apenas o barulho do treinamento, mas nos últimos  três meses, eles vivem diariamente com medo das balas que chegam até as casas.

O dono de um pesqueiro que fica perto do clube, Pedro da Silva Rodrigues, conta que já teve o telhado atingido por duas balas. “Ela bateu no telhado, ouvi um estalo bem forte e depois espirrou no chão. Aí, a gente veio olhar e achou uma munição e o telhado furado, dentro do banheiro masculino”, explica.

Cliente atingida

De acordo com Rodrigues, na semana passada, uma cliente foi atingida de raspão.  Quem vinha em busca de sossego desapareceu e o movimento do estabelecimento caiu 70%. “Pessoal que vem quer paz e lazer. Acaba escutando isso e vai embora com medo e com razão”, afirma. Na casa do aposentado Antônio Feltrim o estrago foi no banheiro. A bala quebrou o vidro e caiu entre a tela de proteção e o vitrô. “Quebrou o vidro e a bala ainda está aí”, conta. O morador coleciona também boletins de ocorrência. Já são sete registrados e de nada adiantou. “Não é porque sou velho que quero morrer com uma bala dessa na cabeça”, afirma. A EPTV, afiliada TV Globo, foi até o Clube Americanense de Tiros, mas ninguém foi encontrado para comentar o caso. No entanto, no pátio do espaço a reportagem avistou duas viaturas oficiais da Guarda Municipal.

Alvará vencido

De acordo com a unidade de Serviços Urbanos da Prefeitura de Americana, o local está com o alvará vencido. Em setembro, o clube foi notificado para regularizar a documentação, mas nada foi providenciado. Então, o próximo passo é a notificação com multa. A Guarda Municipal disse que o armamento usado pelos patrulheiros não tem alcance para atingir as casas e que a posição dos guardas durante o treinamento também impede que isso aconteça. O diretor da entidade afirmou ainda que não são apenas eles e a Polícia Militar que treinam no local, já que o espaço é utilizado por muitos colecionadores particulares de armas.

Já o Exército disse que durante as vistorias realizadas no clube foram verificadas as condições de segurança da guarda das armas, munições e produtos controlados, mas não cabe a eles a fiscalização das condições de segurança. A EPTV tentou um posicionamento da PM, mas não obteve retorno.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...