O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Bicicletas em condomínios

Projeto de lei sobre o tema tem votação adiada, em Curitiba

Publicado em: sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

 Votação de projeto que prevê estacionamento para bicicletas em condomínios é adiada

Foi adiada nesta quarta-feira (12), por duas sessões, a votação em segundo turno do projeto que destina 5% da área de estacionamentos em condomínios para bicicletas. A proposição de autoria de Bruno Pessuti (PSC) e Jonny Stica (PT), foi aprovada em primeiro turno pela Câmara Municipal, na sessão de terça-feira (11).
 
O adiamento solicitado por Pessuti deve-se à assinatura, pelo prefeito Gustavo Fruet, na tarde de terça-feira (11), de um decreto que obriga a implantação de área de estacionamento para motocicletas e bicicletas em prédios residenciais, além de áreas com usos não habitacionais, como comércio e serviços. Dessa forma, o decreto assegura uma proporção de 5% da área mínima dos estacionamentos de veículos.
 
“Depois de aprovarmos a modificação da lei municipal 6.273/1981, fomos surpreendidos pelo prefeito com um decreto regulamentando o estacionamento para bicicletas, além de motocicletas. Devido ao impasse diante da regulamentação e da nossa proposta, pedimos o adiamento da votação do projeto para debatê-lo junto às comissões permanentes da Casa, já que o decreto determina o que intencionávamos”, explicou Bruno Pessuti.
 
O documento regulamenta a lei municipal 6.273/1981, sobre a qual os vereadores propuseram a mudança. De acordo com o texto, a área destinada às motocicletas e bicicletas deve ser, de preferência, contínua, com espaço inscrito numa área mínima de três metros quadrados.
 
Para o vereador Jonny Stica (PT), a proposta do prefeito está condizente com a intenção dos parlamentares. “Independente da iniciativa vir do Executivo ou do Legislativo, é importante porque trata de um tema que ganha força todos os dias”.
 
De acordo com Stica, também é necessário que o município trabalhe pela ampliação das ciclovias e das ciclofaixas “sem esquecer de onde estas bicicletas serão estacionadas, o que justamente trata o decreto”, concluiu.

Fonte: http://www.bemparana.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...