O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Coleta de lixo

Condomínios em BH sofrem com a falta de retirada do material

Publicado em: segunda-feira, 28 de abril de 2014

SLU e terceirizada tentam normalizar coleta de lixo noturna em BH

Prefeitura e KTM afirmam que equipes extras fazem o serviço durante o dia. Trabalhadores paralisaram atividades por dois dias, em protesto.
 
 
Equipes extras de coletores de lixo de Belo Horizontex trabalham, nesta sexta-feira (25), para regularizar o serviço noturno, paralisado por dois dias, durante uma greve dos trabalhadores. Segundo o Sindicato dos Empregados em Edifícios e Condomínios, em Empresas de prestação de serviços em Asseio e Conservação de Belo Horizonte (Sindeac), que representa a categoria, e a empresa KTM Administração e Engenharia Ltda, responsável pela contratação dos funcionários, as atividades serão normalizadas ainda hoje.
 
Funcionários terceirizados de limpeza urbana da cidade pararam as atividades deste a noite de quarta-feira (23). Eles reivindicam salário de R$ 1,5 mil, vale-refeição de R$ 20 e plano de saúde familiar. A situação atual, conforme a entidade, é um salário de R$ 960, vale-refeição de R$ 17 e plano de saúde individual.
 
 O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e a KTM informaram que equipes extras foram montadas para regularizar a coleta durante o dia de ontem e de hoje. Mas o telespectador Sílvio Fonseca afirma que o serviço não é feito desde a noite da quarta-feira (23) nos bairros Cidade Jardim e Luxemburgo, vizinhos ao bairro Coração de Jesus, onde ele mora. “Desde a Contorno, até no São Bento, está tudo cheio”, diz o aposentado. E acrescenta: “O que nós tememos é que a coisa continue”.
 
Em nota, a Prefeitura de Belo Horizonte informou que 47 bairros foram afetados pela paralisação nesta quinta-feira (24). Segundo o órgão, “as razões que motivaram a paralisação são de cunho administrativo entre a empresa e seus funcionários”. Ainda de acordo com a administração, “eventuais contratempos à população estão sendo minimizados com medidas contingenciais”.
 
Já a empresa KTM diz que as reivindicações, agora, são estendidas a trabalhadores de todas as empresas terceirizadas, já que o sindicato coloca na pauta de reivindicações melhorias para toda a categoria. Ainda de acordo com a KTM, reuniões serão feitas entre os empresários para avaliar propostas aos trabalhadores. Tanto a KTM quanto o sindicato dizem que uma nova assembleia será feita no dia 5 de maio para analisar as propostas.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...