O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Condomínios e poluição

Empreendimentos em Florianópolis sofrem com despejo incorreto de desgoto

Publicado em: sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Poluição na Ilha

A gritaria de moradores de um recém-inaugurado condomínio de alto padrão no limite das praias de Canasvieiras e Cachoeira do Bom Jesus, no Norte da Ilha, pautou a imprensa sobre o poluição no Rio do Brás, que há mais de 30 anos sofre com o despejo ilegal de dejetos. 
 
Segundo dados da Casan, a região conta com 100% de rede coletora de esgoto, mas 57% dos moradores e comerciantes não fazem a ligação, contribuindo, assim, para a poluição do mar. Agora, os moradores do condomínio estão fazendo circular relatório do programa Se Liga na Rede, lançado em 2013 pela prefeitura e pela Casan para vistoriar ligações irregulares.
 
Só nos dois balneários já foram mais de quatro mil vistorias. Segundo o documento, as sedes balneárias da Associação dos Magistrados Catarinenses, do Ministério Público do Estado e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC), que, assim como o condomínio de luxo, ficam quase à margem do Rio do Brás, estão entre aquelas que possuem algum tipo de problema na ligação de esgoto. Das três, a sede da associação de juízes e desembargadores é o caso mais grave, com todas as 23 casas com algum tipo de inadequação. 
 
Embora a imprensa esteja agora focada no Rio do Brás, não devemos esquecer que a Ilha de Santa Catarina conta atualmente com 22 pontos impróprios para banho de mar por causa do lançamento de esgoto.
 
Em muitos desses locais existe rede coletora. Cobrar fiscalização das autoridades é sempre importante, mas também é preciso chamar à responsabilidade aquelas pessoas que, mesmo com uma rede  de esgoto passando em frente de casa, não fazem a ligação correta, poluindo o meio ambiente.  

Fonte: http://dc.clicrbs.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...