O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Descarte irregular

Vizinho mostra condomínios em Ribeirão Preto jogando lixo em terreno

Publicado em: terça-feira, 2 de junho de 2015

Morador flagra suposto descarte de entulho na zona sul de Ribeirão Preto

Restos de poda e entulhos seriam deixados em terreno por condomínios. Administradora diz ter aval da prefeitura para descarte, mas governo nega.
 
Um terreno baldio tomado por restos de galhos, podas de árvore, entulho e sacos de lixo revela um suposto descarte irregular de materiais no Jardim São Luiz, zona sul de Ribeirão Preto (SP). Segundo o professor Wagner Bertolini, morador do bairro, a área fica situada próximo ao fim da Avenida Professor João Fiúsa, às margens da Rodovia Prefeito Antônio Duarte Nogueira.
 
Dois condomínios residenciais vizinhos ao terreno, segundo Bertolini, seriam os responsáveis pela maior parte do lixo deixado no local. "Eles vêm em tratores, que saem dos condomínios Verona e Milano. É um tratorzinho pequeno, sem placa. A maioria do que eles jogam é vegetal, poda de árvores. Mas também tem sacos de lixo e entulhos", relata.
 
Procurada pelo G1, a administradora Vallecon, responsável pelos dois condomínios, informou que a Prefeitura autorizou o despejo dos dejetos no terreno. Já a administração municipal informou que não autoriza e nem solicita este tipo de conduta.
 
De acordo com Bertolini, a situação se arrasta há pelo menos dois anos. "O terreno é muito grande. Colocaram cerca em uma parte, mas o pedaço que fica aberto já tem até um trilho, uma estrada cortada na grama para os tratores entrarem", diz.
 
No vídeo enviado pelo professor ao G1 é possível ver a quantidade de entulho acumulado no terreno. Em uma das cenas, o morador questiona um funcionário que chega com o trator cheio de podas de jardins. Bertolini pergunta se o material é do condomínio Verona, e o trabalhador responde que o veículo é do residencial.
 
Além da sujeira, o professor afirma ainda que o material deixado no local é constantemente queimado.
 
"Normalmente aos finais de semana, alguém vai e põe fogo naquele material. O problema é que esse lixo fica logo embaixo da rede de alta tensão de energia elétrica do bairro. É perigoso. O funcionário de um dos condomínios disse que tinha autorização da Prefeitura para fazer isso, mas o terreno nem é dos condomínios", afirma.
Nem só os restos de poda se acumulam pelo terreno. Bertolini conta que a área virou local de despejo para os mais diferentes materiais. "Tem pneu, resto de concreto, resto de obra, sofás, móveis. Jogam entulho até no meio fio. Tem lixo que já invadiu a pista, que é marginal ao anel viário. Além de atrapalhar o trânsito, pode até causar algum tipo de acidente", diz.
 
Descarte autorizado
 
Procurada pelo G1, a empresa Vallecon, responsável pela administração dos condomínios Milano e Verona, informou que obteve autorização da Prefeitura para jogar os restos de galhos e podas de árvore no terreno, e que aguardava a retirada do material pela Coordenadoria de Limpeza Urbana.
 
A Prefeitura, por sua vez, informou que um fiscal faria a vistoria no local nesta quinta-feira (28) e que autuaria os síndicos dos condomínios caso encontrasse o descarte irregular.
Questionada posteriormente sobre ter autorizado os condomínios a despejarem o material na área, a administração municipal informou que a coordenadoria "não autoriza e nem solicita este tipo de conduta".

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...