O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Radar LELLO

Dia de mudança

Falta de segurança e transtornos podem ser evitados

Publicado em: sexta-feira, 8 de maio de 2015

Mudança em condomínios deve obedecer a normas internas

Zeladores e síndicos devem orientar novos e antigos moradores para evitar transtornos aos demais condôminos ou comprometimento à segurança, orienta a Lello
 
Com o aumento do número de pessoas que vão morar pela primeira vez em condomínios residenciais em São Paulo, o sobe-e-desce de móveis e eletrodomésticos nos prédios de apartamentos tende a se intensificar. Por isso, a Lello, empresa líder em administração de condomínios do Estado, recomenda que haja planejamento e observâncias às normas internas do condomínio para que a mudança não cause transtornos aos demais moradores e nem comprometa a segurança.
 
Segundo Angélica Arbex, gerente da Lello Condomínios, é preciso verificar primeiramente o que diz o regimento interno do condomínio. Normalmente o horário permitido para as mudanças é das 8h às 18h de segunda a sexta-feira. Alguns prédios também permitem mudanças aos sábados, no período da manhã, mas nunca aos domingos ou feriados.
 
Outra questão importante é o agendamento prévio da mudança, para evitar que haja mais de uma no mesmo dia ou horário.
 
“Se o proprietário não estiver presente na hora da mudança, ele deve informar ao zelador e ao síndico o nome da pessoa que irá fazer este acompanhamento”, observa Angélica.
 
A gerente da Lello diz que o síndico e o zelador devem orientar novos e antigos condôminos sobre as regras para mudanças e registrar previamente as informações como nome da empresa e dos funcionários. É importante também ter um funcionário (o zelador, preferencialmente), acompanhando toda a mudança e outro escalado para observar a entrada da garagem, além de haver o revestimento do elevador de serviço com um acolchoado.
 
Os moradores também precisam adotar alguns cuidados, informando-se sobre horários permitidos e regras relativas a barulhos. “O regimento interno normalmente prevê que se houver danos às áreas comuns durante o carregamento dos móveis, o morador poderá ser responsabilizado”, alerta Angélica.
 
Com a chegada de novos moradores, lembra a gerente da Lello, o síndico deve providenciar a atualização do cadastro, incluindo nomes, telefones e emails, números das placas dos veículos e informações sobre dias e horários dos empregados das unidades.
 
http://www.lellocondominios.com.br 

 

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...