O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Escolha do síndico

Eleição é tão importante quanto para presidente, veja como escolher

Publicado em: sexta-feira, 4 de outubro de 2013

 Eleger síndico é como votar para presidente

É preciso conhecer as propostas e descobrir o perfil dos candidatos; Conheça alguns perfis comuns 

 
O papel do síndico é muito importante para o bom funcionamento do condomínio. Por isso, o momento da escolha deve ser levado a sério. Tal como em uma eleição presidencial, antes de eleger o representante é preciso conhecer as propostas e descobrir o perfil dos candidatos. Se o síndico disser que o condomínio está muito alto, indica que está pensando em reduzir despesas e, se isso não for possível dentro de um orçamento, ele provavelmente irá suprimir serviços. Neste caso, a pergunta a ser feita é: o que ele julga ser dispensável para o condomínio?
 
Rodrigo Karpat é advogado especializado em direito imobiliário e consultor de condomínios. Ele diz que o temperamento da pessoa vai ditar seu comportamento como síndico. “Há aquele que se sente o dono do prédio. Com certeza, ele não permitirá que nada seja feito sem sua anuência. Pior, ele tomará decisões sem consultar os condôminos”, explica.
 
“Normalmente, o síndico com este perfil tem boas intenções, porém, por ter ficado sem a participação dos outros condôminos, acaba fazendo as coisas da sua forma”, completa.
 
Outro tipo de síndico que costuma dar trabalho é o poupador. Inicialmente, todos ficam satisfeitos, já que não ocorre aumento do condomínio. Mas, no futuro, o prédio ficará defasado e, na  adequação, o valor do condomínio pode dobrar.
 
Personalidade do administrador aparece no dia a dia
 
O síndico das obras não costuma causar problemas. Afinal, grandes mudanças devem ser aprovadas pela maioria em assembleia convocada por ele. Porém, se o seu síndico adora inventar uma obra sem necessidade, desconfie de que ele esteja fazendo “caixa dois”, ou seja, ganhando um dinheiro por fora.
 
O empresário quase não tem tempo para se dedicar ao condomínio e precisará da ajuda da administradora, do subsíndico e do zelador. Por outro lado, ele possui uma grande experiência de mercado e saberá lidar com possíveis crises.
 
Já o síndico aposentado tem bastante tempo e costuma ouvir o problema de todo mundo. Troque algumas palavras com ele. Se ele contar algum segredo ou fizer alguma fofoca sobre outro morador, desconfie. Quem fala de alguém para você, falará de você para outras pessoas.

Fonte: http://www.redebomdia.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...