O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Estrago da chuva

Arroio transborda e derruba muro de condomínio de luxo, em Porto Alegre

Publicado em: quarta-feira, 13 de novembro de 2013

 RS: chuva derruba muro e causa alagamento em condomínio de luxo

Condomínio fica próximo de arroio que transbordou nesta segunda-feira na zona norte de Porto Alegre
  
O rompimento de um muro durante o temporal que atinge Porto Alegre (RS) desde a noite de domingo alagou um condomínio de alto padrão na zona norte da capital gaúcha nesta segunda-feira. O síndico do condomínio, Kleber Ribeiro, teve de acionar carros-pipa na tentativa de retirar a água das casas.
 
O condomínio Reserva do Taim fica localizado na avenida Ecoville, próximo ao arroio Sarandi, que transbordou na manhã desta segunda-feira em virtude da chuva.
 
"Rompeu o muro na última rua, porque o Dep (Departamento de Esgotos Pluviais de Porto Alegre) não conseguiu escoar a água que represou no pátio da empresa que fica atrás, e rompeu o muro", explicou o síndico.
 
Moradores reclamam de lixo em arroio
 
A poucas quadras do condomínio, moradores do bairro Sarandi vivenciaram na manhã desta segunda-feira um drama que vem se repetindo ao longo deste ano. Pela terceira vez em 2013, o temporal que atingiu a capital provocou o transbordamento do arroio Sarandi, invadindo casas e estabelecimentos comerciais da região. Segundo o relato de moradores, a situação é agravada pelo grande acúmulo de lixo no córrego.
 
Os moradores se mobilizaram para fazer um mutirão de limpeza num córrego. Entre os objetos recolhidos, estão pneus de carro, pedaços de ferro e madeira e até mesmo uma geladeira, o que levou a comunidade a organizar a realização de uma rifa com os bens recolhidos em meio ao lixo.
 
"Já perdi muita coisa aqui. Teve uma enchente recente, tínhamos comprado tudo e voltamos a perder tudo de novo. Esse córrego transborda todo ano, tem muito lixo aqui", reclamou Sérgio Salazar Silveira, que mora há dois anos no bairro e se queixou do descaso das autoridades. "É uma vergonha os moradores terem que fazer a limpeza, e não a prefeitura."
 
Salazar relata que as frequentes enchentes estão desvalorizando os imóveis da região. Segundo ele, muitos moradores estão tentando vender suas residências, sem sucesso.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...