O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Espaço SECOVI

Férias seguras

Secovi-SP alerta para cuidado na segurança durante as férias

Publicado em: quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Férias exigem reforço na segurança dos condomínios, diz Secovi-SP

 
O Sindicato da Habitação paulista lembra que é importante adotar medidas de cautela no dia a dia. Mas algumas dicas, já clássicas, devem ser observadas no período
 
Síndicos, moradores e funcionários de condomínios precisam reforçar os cuidados, principalmente neste período de férias, quando muitas pessoas viajam, deixando apartamentos e casas vazios. 
 
Hubert Gebara, vice-presidente de Administração Imobiliária e Condomínios do Secovi-SP, considera que hoje a insegurança é o principal problema que aflige os moradores. É preciso dobrar o estado de atenção em períodos como este e o papel do síndico é fundamental na sua opinião.
 
"É ele que deve ajudar na conscientização dos condôminos para situações de risco", afirma. 
 
Pequenas atitudes também melhoram a segurança das residências, além das recomendações que parecem comuns, a exemplo de trancar portas e janelas, fechar os registros de água e gás e desligar o quadro geral de luz. Confira as principais dicas:
 
- antes de sair, teste o sistema de segurança interno, se houver;
- peça para deixar as correspondências na portaria e suspenda a entrega de jornais e revistas;
- deixe a chave e um telefone de contato com parente ou amigo, de preferência que não more no local;
- não entregue suas chaves a pessoas fora do círculo familiar e não as deixe na portaria;
- não informe a data de retorno aos funcionários do condomínio;
- deixe algum vizinho avisado de sua ausência, pois ele poderá observar alguma irregularidade em sua residência;
- o síndico deve evitar dar férias aos funcionários para não desfalcar o quadro;
- o zelador deve testar os sistemas de segurança e alarmes;
- funcionários não devem dar informações a ninguém sobre quem está viajando e o período de ausência;
- o morador deve ainda respeitar as regras do condomínio quando for realizar festas. Um vigia extra é recomendável, dependendo do tamanho do evento.
 

Guarita e garagem

 
 A guarita é o coração do condomínio. Hubert Gebara diz brincando que, "quando a guarita cai, o condomínio também cai". A garagem é, igualmente, um dos pontos vulneráveis. Pesquisa do Secovi e de empresas de vigilância revelam que 80% das invasões a condomínios ocorreram pela garagem nos últimos anos. O controle dessas áreas demanda aparato eletrônico, sem esquecer das áreas comuns, muros e arredores.
 

Segurança integrada

 
 Além dos cuidados já citados, o Secovi-SP lembra, ainda, da segurança integrada, uma parceria de dois ou mais condomínios vizinhos em que um monitora o outro. Se o porteiro de um dos condomínios estiver impossibilitado de acionar esquemas de segurança, o porteiro do condomínio ao lado ou próximo pode fazê-lo, por meio de circuitos de tevê. 

Fonte: www.jornaldiadia.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...