O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Convivência

Festa cancelada

Moradores em Bertioga denunciaram vizinho

quarta-feira, 6 de maio de 2020
WhatsApp
LinkedIn

SP: festa com donos de carros de luxo causa confusão em condomínio badalado

Uma festa de aniversário com carros de luxo estacionados na porta causou reclamações de moradores em um condomínio badalado em Bertioga (SP) e quase terminou em caso de polícia. A reunião ocorreu no último domingo durante o período de quarentena, no qual o governo do estado de São Paulo recomenda evitar aglomerações e que as pessoas fiquem em casa, atendendo ao distanciamento social.

Os amigos se reuniram em Riviera de São Lourenço e divulgaram as imagens nas redes sociais. Incomodados com o som alto, parte dos moradores chamou a Guarda Municipal, que foi ao local e solicitou que o volume fosse diminuído. Após serem atendidos, os guardas deixaram o condomínio e a festa prosseguiu.

Pelo menos 20 pessoas, segundo os vizinhos, estiveram na comemoração. Um dos vizinhos, que preferiu não se identificar, relata que as festas no local são constantes. "Todo fim de semana tem festa, sempre com música alta. Nesse fim de semana tinha mais gente, tinha até banda", diz.

Dono do local, o advogado e empresário Fernando Vieira afirma que a comemoração reuniu apenas amigos e familiares. "Não entendo essa repercussão, apenas reuni alguns amigos e familiares para comemorar meu aniversário. Provavelmente, se não fossem os Porsches, se fossem dez carros normais, ninguém teria reclamado", explica o empresário, que completou 35 anos.

Ainda segundo ele, que alega ser favorável ao isolamento social, muitas críticas não têm razão. "Não desrespeitamos nenhuma norma. Tanto que a Guarda esteve no local e não constatou nada. Infelizmente, ninguém tem inveja do fraco. Por termos uma situação privilegiada, acabamos sendo motivo de crítica", avalia.

Vieira afirma que uma medição de barulho chegou a ser realizada pelos agentes. "Constatou que o barulho estava em 58 decibéis, bem menor que o limite. Mas, mesmo assim, por respeito, aceitei abaixar o som", diz.

Prefeitura diz que festa não desrespeitou quarentena 

De acordo a Prefeitura de Bertioga, a festa, que era particular, não desrespeitou as normas de isolamento social, portanto não foi possível agir sobre esse assunto.

"Uma equipe foi deslocada até a casa e constatou que havia som alto no local. A GCM solicitou ao responsável da residência que reduzisse o volume do som, o que foi atendido de imediato. Os agentes também orientaram sobre as medidas de isolamento social por conta da pandemia do coronavírus", disse a prefeitura, em nota.

Em nota, a administradora do condomínio de casas onde a festa foi realizada informou que tem um protocolo com medidas preventivas para colaborar com o combate à covid-19, mas que não tem qualquer ingerência ou responsabilidade sobre a organização do evento.

"Só uma comemoração"

Nas redes sociais, a postagem teve apoios e criticas. Um dos usuários do instagram comentou: "Quarentena, só para quem é pobre". Outro, por sua vez, elogiou a postura dos participantes do evento. "E que os frustrados se mordam de inveja". 

O advogado, que milita na área trabalhista, afirmou que muitos comentários são feitos, nas redes sociais, sem que as pessoas saibam o que o grupo faz.

"Nós temos um trabalho social com animais, especialmente cachorros, que são minha paixão. Chegaram até a dizer que eu era advogado do PCC. O que pouca gente viu é que era uma festa de aniversário do tipo 'família'. Tinha parentes, amigos, nossas esposas. Não tinha bêbado, só uma comemoração", avalia.

Apesar da alegação de Vieira, o governo de São Paulo recomenda o isolamento social e que as pessoas evitem aglomerações para não propagar mais o novo coronavírus, que matou 2.654 pessoas no estado, segundo dados divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Fonte: https://noticias.uol.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...