O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Infestação de escorpião

Condomínios em Araraquara sofrem com presença do bicho

quarta-feira, 3 de outubro de 2018
Para assistir esse vídeo, acesse aqui. Você será redirecionado para outro site.

Infestação de escorpiões em condomínio preocupa moradores

Três pessoas já foram picadas nos últimos dois meses em Araraquara (SP).

Moradores de um conjunto habitacional em Araraquara (SP) estão com medo do excesso de escorpiões que têm aparecido no local. Três pessoas já foram picadas nos últimos dois meses. O motorista Paulo Fachinetti disse que já pegou mais de 30 escorpiões dentro de casa.

A prefeitura informou que equipes do Centro de Controle de Vetores foram aos prédios várias vezes, orientaram os moradores e alertaram que jogar lixo em local inadequado acaba atraindo os bichos.

O analista administrativo do Centro de Controle de Vetores, Edson Maria Torres, disse que no ano passado foram registradas 410 ocorrências.

“Entenda que não são escorpiões, são ocorrências. Digo isso porque de rente você vai nessa ocorrência e tem dois, três, quatro escorpiões. Em 2018, até agora temos 476 ocorrência, portanto está subindo”.

Os prédios ficam perto da creche Cyro Guedes Ramos. No ano passado, a escola foi interditada por causa de uma infestação. Cerca de 300 alunos tiveram que ser transferidos. O prédio continua fechado e não tem previsão de quando a creche vai voltar a funcionar.

Medo

Com hábitos noturnos, é à noite que os escorpiões ficam mais ativos quando saem para caçar. Fachinetti comprou uma lanterna especial com luz fluorescente depois que foi picado no condomínio onde mora no Jardim Paraíso II. “A situação começou a ficar preocupante”, contou,

O motorista disse que fez tudo o que pode dentro de casa para proteger a família, mas os escorpiões continuam aparecendo, inclusive no quintal de casa.

“Dá medo, já fui picado, dois vizinhos também. A gente precisa de ajuda da prefeitura porque sozinho a gente não consegue. Eles falam que não podem fazer nada”, disse.

O filho de 9 anos do pedreiro Carlos Aparecido Géa brincava na última terça-feira (25) quando colocou a mão na parede e foi picado. “Senti dor de cabeça e no hospital quase desmaiei de tanta tontura que eu estava”, contou o menino.

A autônoma Daniela Carvalho tem dois filhos, um de 11 e o caçula de 3 anos. Ela conta que há quase um ano os moradores dos predinhos convivem com escorpiões.

“Estou em pânico, não durmo mais. Teve uma vez a noite que acabou a energia elétrica por causa da chuva, fiquei com uma lanterna olhando porque fico com medo de eles subirem nas crianças. Peço ajuda, Vigilância, prefeitura, socorram a gente. Vai esperar alguém morrer?”, questionou a moradora.

Adaptação

A população de escorpiões está crescendo porque eles se adaptaram ao ambiente urbano, onde encontram abrigo e alimentação, e poucos inimigos naturais. Os predadores são galinhas, gambás, macacos, mas não são comuns nas cidades.

O analista administrativo garante quando o Centro de Controle é acionado os agentes vão ao local para dar orientações, como espécie do escorpião, tipo de veneno e perigos.

“É também feita uma observação na residência, no quintal para poder orientar aquilo que pode estar proporcionando ambiente para escorpiões”, disse.

Quem encontrar escorpiões em casa, deve ligar para o centro no telefone: (16) 3331-3820.

Fonte: https://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...